"Foi sofrido, do jeito do Corinthians", define Gabriel após primeiro gol

Do UOL, em São Paulo

Autor do segundo gol da vitória do Corinthians sobre o Luverdense nesta quinta-feira, o volante Gabriel recorreu a uma máxima de torcedores do clube para definir seu lance. Os corintianos ganharam por 2 a 0 na Arena Pantanal e ficaram em situação confortável pela vaga na terceira fase da Copa do Brasil. 

"Fico feliz pela vitória, pela entrega do grupo e ter mais um jogo sem tomar gol é importante. Isso mostra a consistência na parte defensiva e conseguimos criar mais, fazer dois gols e quase ampliar depois. O gol foi sofrido, do jeito do Corinthians, porque primeiro ele (auxiliar) levantou a bandeira e depois validou, então eu fico feliz pelo gol e pela vitória", comentou Gabriel ao Sportv.

O lance do gol gerou reclamações dos adversários, já que o centroavante Jô estava em impedimento e se abaixou para a bola passar. Inicialmente, o trio de arbitragem esboçou anular a jogada, mas voltou atrás e confirmou o gol de Gabriel. Foi só a segunda partida do ano em que o Corinthians fez mais de um gol.  

"Nossa parte ofensiva foi muito boa e fizemos dois gols. Contra o Mirassol, fizemos três, mas o importante é a vitória. Na Copa do Brasil é importante não tomar gol e fazer gol fora também vale muito. Temos um jogo agora com a Ponte Preta (domingo) que sempre complica, então quem for a Campinas vai concentrado para fazer um grande jogo. Vamos mostrar a força do grupo e que todos estão preparados", frisou ainda. 

Gabriel, contratado após passagem pelo Palmeiras, está suspenso no fim de semana e não pega a Ponte Preta. Ele foi titular em todos os 10 jogos da equipe na temporada e deve dar lugar a Paulo Roberto, ex-Sport.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos