Zago rasga elogios a D'Alessandro e quer recuperar Valdívia no Inter

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

Antonio Carlos Zago foi só elogios a D'Alessandro após a vitória por 3 a 0 do Inter contra o Sampaio Corrêa, pela Copa do Brasil. O gringo entrou no segundo tempo e mudou o ritmo das ações ofensivas da equipe. Além disso, a recuperação de Valdívia é pauta entre as principais do treinador. 

"Tudo que nós conversamos antes do jogo beneficente do D'Ale estamos procurando cumprir. Seria importante a entrada dele até porque ficou fora do último jogo, e seria importante a participação dele. Ele dar ritmo. Foi importante a entrada, saiu por cima, pelo golaço que fez. E isso estimulou ainda mais para sábado", disse o treinador. 
 
No segundo tempo, com o gringo em campo, o Inter cresceu muito. Depois de uma primeira etapa pouco interessante, marcou mais dois gols bonitos. Um de Carlos, e um golaço de D'Ale, de falta. 
 
"Nunca deixei de sublinhar a importância do D'Alessandro. Por ser uma liderança técnica e o capitão, ter uma liderança natural. Ele tem uma história muito bonita aqui. Tem que respeitar, e os mais jovens ver como exemplo. É um jogador diferenciado. Se não me engano, contra o Brasil de Pelotas em que ganhamos de 1 a 0, tivemos uma boa apresentação sem ele em campo. Estamos buscando algumas soluções e a preocupação é constante em relação a tudo, ao time ser mais agressivo na marcação, encurtar os espaços, ter uma intensidade maior dentro do jogo, independente dele jogar ou não. Quando ele joga, é um dos que mais corre nos jogos, dá ao máximo. Mas vamos ver o que encontrar internamente para não sofrer tanto quando ele não jogar", acrescentou. 
 

Recuperar Valdívia

Zago admitiu, ainda, a necessidade de recuperar Valdívia. Atualmente reserva do time vermelho, o atacante cabeludo não conseguiu render o melhor e está longe daquele que a torcida espera. 
 
"Eu costumo dizer que o Valdívia é diferenciado tecnicamente. Não temos no elenco um jogador como ele. Teve uma contusão séria no ano passado, voltou, não foi o mesmo até porque o time não ajudava, estava em uma situação difícil, e agora nós estamos tentando fazer com que ele seja o mesmo de quando apareceu, jogando pela beirada, marcando lateral, ajudando no meio. Esperamos que possa reencontrar seu melhor momento o mais rápido possível. Contamos, e muito, com ele", finalizou Antonio Carlos. 
 
No sábado, o Inter volta ao Gauchão para pegar o São Paulo-RS. O jogo será no Beira-Rio e marca a partida 350 de D'Alessandro no clube. 
 

Classificado, Zago volta o foco para o Gauchão

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos