Inter teme lesões e liga alerta em meio à sequência de jogos decisivos

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ricardo Duarte/Internacional

    Inter disputará seis jogos em intervalo de 17 dias. Série pode ficar ainda pior

    Inter disputará seis jogos em intervalo de 17 dias. Série pode ficar ainda pior

O acúmulo de jogos entre Campeonato Gaúcho e Copa do Brasil preocupa o Internacional. O desconforto na coxa de Edenílson e a queda de rendimento do time diante do Caxias são os elementos mais recentes na dor de cabeça do Colorado. Comissão técnica e direção, com isso, ligam o alerta diante de uma sequência de seis partidas em 17 dias.

A série pode ser ainda mais pesada se: o Inter avançar na Copa do Brasil e no Gauchão. As fases subsequentes são imediatas.

"A equipe, até onde teve perna, controlou. Depois ficou difícil. Até quarta-feira vamos ter um dia a mais, diferente dessa semana onde tivemos 72 horas", disse Antonio Carlos Zago.

A reclamação do treinador segue a linha da diretoria, que na semana passada detonou a agenda proposta pela FGF (Federação Gaúcha de Futebol): com o jogo diante do Caxias no sábado, às 19h.

"A queda (de produção no segundo tempo) já era esperada pela parte física", contou Roberto Melo, vice de futebol do Internacional.

O Colorado, aliás, culpa a série de jogos pelo problema físico de Edenílson. O volante disputou quatro partidas desde que foi contratado, a primeira dois dias após ser apresentado, e sentiu a coxa no aquecimento de sábado.

"Tivemos a infelicidade de perder o Edenílson no aquecimento, pelo pouco tempo de recuperação entre um jogo e outro", apontou Zago.

A situação era aguardada até mesmo com outros atletas. No primeiro tempo, Anselmo chegou a aquecer diante do quadro de Uendel, que demonstrou desconforto na coxa esquerda.

"Eu estava com medo de outros jogadores sentissem algo, mas não aconteceu", confessou o treinador. "Tinha muita gente desgastada, o Antonio foi inteligente ao preservar alguns", confirmou Uendel na saída de campo.

Na quarta-feira, o Internacional precisa vencer o Corinthians ou empatar por dois ou mais gols para seguir na Copa do Brasil. No domingo, o time pode empatar ou perder a partir de 2 a 1 (com um gol de diferença) que chega à final do Gauchão.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos