Hoje rival, Uendel tornou-se a maior referência para Arana no Corinthians

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

  • Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

    Arana e Uendel comemoram juntos o título brasileiro de 2015

    Arana e Uendel comemoram juntos o título brasileiro de 2015

Guilherme Arana ainda era um novato no time corintiano quando encontrou um porto seguro em um companheiro do elenco e atleta da mesma posição. Desde então Uendel e o jovem de 20 anos tornaram-se amigos e mantiveram a relação mesmo após mudanças drásticas. Nesta quarta-feira, os dois estarão em lados opostos durante a decisão entre Corinthians e Internacional, em Itaquera, pela Copa do Brasil.

De acordo com pessoas próximas aos dois laterais esquerdos, as mensagens e telefonemas continuam constantes até mesmo depois de Uendel acertar a transferência para o Inter no começo do ano. Nem a distância entre São Paulo e Porto Alegre tornou-se empecilho para o bate-papo dos amigos.

Arana, titular absoluto após a saída de Uendel, estreou no time profissional do Corinthians em agosto de 2015, justamente depois de um problema enfrentado pelo então titular, que deixou o time comandado por Tite no intervalo, com dores musculares. Aos 18 anos, o lateral esquerdo conseguiu se recuperar depois de falhar em um dos gols do Sport.

No fim do jogo, Arana invadiu a área e viu a bola bater no braço do adversário - Jadson converteu o pênalti e deu a vitória por 4 a 3 ao Corinthians. Do lado de fora, Uendel vibrou. Segundo ele, o jovem garoto sempre foi de ouvir os conselhos passados por ele.

Relacionamento transcendeu o futebol

Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
Arana e Uendel em treino da temporada 2014

Arana sempre considerou Uendel o companheiro mais admirado do elenco do Corinthians pelo estilo centrado e discreto, além da capacidade de cumprir obrigações.

Apesar de ser mais velho que Arana, o lateral do Inter, que hoje tem 28 anos, se viu em uma situação parecida depois de Fábio Santos deixar o clube paulista rumo ao futebol mexicano em junho de 2015. E saiu-se muito bem, assim como o sucessor.

Com a saída de Fábio Santos, Arana voltou ao Corinthians depois se ser emprestado ao Atlético-PR - a passagem durou pouco mais de um mês. A partir desse momento, a relação com Uendel, que chegou ao time alvinegro no início da temporada 2014, ficou mais intensa. As famílias dos jogadores chegaram até a se encontrar algumas vezes.

Nesta quarta-feira, os dois estarão em campo nas laterais de Corinthians e Inter. No jogo de ida, disputado no Beira-Rio e que terminou empatado por 1 a 1, Uendel atuou no meio-campo da equipe do Inter.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS x INTER

Data: 19 de abril de 2017, quarta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Competição: Copa do Brasil (partida de volta da quarta fase)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Auxiliares: Eduardo de Souza Couto e Michael Correia (ambos do RJ)

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Alemão (Charles), Léo Ortiz, Victor Cuesta e Uendel; Rodrigo Dourado, William e Felipe Gutiérrez; Roberson, Nico López e Brenner. Técnico: Antônio Carlos Zago

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel e Maycon; Jadson, Rodriguinho e Romero; Jô. Técnico Fábio Carille

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos