Atlético-MG sofre três gols pela 1ª vez no ano e Roger cobra melhora

Do UOL, em Belo Horizonte

Roger Machado ficou decepcionado com um fato na derrota por 3 a 2 para o Paraná na partida de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Foi a primeira vez em 27 partidas que os seus comandados sofreram três gols.

Mesmo que os lances tenham se originado em falhas individuais – Victor (duas vezes) e Gabriel erraram –, o treinador crê que é necessário buscar uma explicação para os problemas defensivos.

"É a primeira partida das 27 que estamos até agora que a equipe sofreu três gols. É a primeira vez no ano. A gente tem que entender isso. Mesmo sendo competições diferentes, a gente tem que ter detalhes de conduta. Não se pode oferecer mais que dois gols ao adversário nunca. Vamos avaliar com calma e decidir na semana que vem a vaga", afirmou.

O técnico gaúcho, por fim, cobra a necessidade de mudança de postura por conta dos dois reveses consecutivos – para Fluminense e Paraná.

"A gente sabe que os momentos de instabilidade virão, mas esses dois jogos, especialmente a derrota em casa, sofrendo dois gols e agora sofrendo três gols, o que a gente nunca havia sofrido. Temos que entender o motivo", declarou.

"Se estamos entrando de forma diferente, a gente tem que saber jogar o jogo. A gente para, analisa, olha... Isso traz uma carga de pressão para os resultados. O título e a sequência de bons jogos deram uma acalmada na situação", acrescentou.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos