Mistério? Inter treina fechado para pegar o Boavista na Copa do Brasil

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ricardo Duarte/Inter

    Leandro Damião será mantido no ataque do Internacional, mesmo com gols de Roger

    Leandro Damião será mantido no ataque do Internacional, mesmo com gols de Roger

Sem presença da imprensa ou qualquer olhar de torcedores. Assim o Inter fez o último treinamento antes da estreia na Copa do Brasil, quarta-feira, diante do Boavista. Odair Hellmann, porém, não tem muitas dúvidas no time.

Na atividade de segunda-feira, o comandante de campo definiu o time com a volta de Camilo e Claudio Winck na lateral. O primeiro se recuperou de uma lesão na panturrilha esquerda. O segundo tinha posto ameaçado com a estreia de Dudu diante do Avenida, no sábado.

Por isso, o trabalho fechado serve basicamente para aprimorar as jogadas com privacidade. Dificilmente a escalação fugirá de: Danilo Fernandes; Claudio Winck, Klaus, Cuesta e Iago; Dourado, Edenílson, Pottker, D'Alessandro e Camilo; Damião.

Mesmo com dois gols e boa atuação no sábado, Roger ainda não está 100% e será reserva de Damião. Patrick é outro que ganhou espaço recentemente, mas ainda esperará nova chance.

Inter e Boavista abrem suas participações na Copa do Brasil nesta quarta às 19h30 (de Brasília), em Cascavel, no Paraná (o jogo foi vendido pelo Boavista pela expectativa maior de público). Com novo regulamento da competição o Inter joga por empate ou vitória para seguir na competição. Caso vença o Boavista, é o time carioca que passa. Não há segundo jogo em nenhuma hipótese.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos