Presidente pede tranquilidade no Coritiba após classificação dramática

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL

  • Reprodução/TV Coxa

    Namur falou à imprensa sobre o início ruim do Coritiba

    Namur falou à imprensa sobre o início ruim do Coritiba

A classificação dramática do Coritiba sobre o Parnahyba na Copa do Brasil, com um gol aos 52 do segundo tempo e atuando com um homem a mais desde os 10 da mesma etapa gerou uma revolta nos torcedores do clube nas redes sociais. Foi o terceiro empate do time em cinco jogos na temporada, com uma derrota e uma vitória.

Diante do quadro, o presidente do clube, Samir Namur, que acompanhou a delegação no Piauí, foi aos microfones das rádios de Curitiba pela primeira vez desde o Media Day que abriu a temporada do clube. Em coletiva, pediu tranquilidade à torcida e reconheceu o time jogando mal.

"A gente tem que entender que esse momento ainda é um momento de início de trabalho, ainda é de planejamento, e mesmo assim a gente da diretoria está colocando em prática uma convicção, um combinado em termos de proposta de campanha", disse Namur, "Não dá para esquecer que o Coritiba vem jogando e conseguiu a classificação, mesmo jogando mal, com jogadores da base, que era uma proposta nossa."

Na sequência, o presidente eleito em dezembro passado pediu tranquilidade. "A minha palavra é para tranquilizar o torcedor. Existe uma convicção, inclusive em termos de reforços. O Coritiba vai contratar. O Coritiba tem R$ 20 milhões de obrigação só de 2017, não vamos criar uma lista e sair aí. Ainda é um início de trabalho. Eu tranquilizo o torcedor, as carências estão todas identificadas, e dentro do planejamento financeiro a gente vai sim em busca de reforços."

O técnico Sandro Forner também concedeu entrevista sobre o mesmo tema. "É um plano da diretoria em ter esses jogadores. Isso foi falado várias vezes, da questão de oportunizar a esses jogadores. Não só por mim, mas pelo presidente, pela diretoria. Logicamente que para a Série B vão vir reforços. O meu trabalho é trabalhar com os jogadores que eu tenho. Essa é a minha preocupação hoje: melhorar o time que eu tenho."

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos