D'Alessandro admite 'ajuda' do goleiro, mas diz que Inter mereceu a vitória

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

D'Alessandro fez o gol da vitória do Inter aos 43 minutos do segundo tempo contra o Vitória nesta quarta-feira (11). E não foi só mérito seu. O goleiro Caíque falhou feio no lance e acabou rebatendo uma falta para dentro do gol. Após o 2 a 1, D'Ale reconheceu a ajuda mas disse que o Inter mereceu.

"Foi uma ajuda do goleiro, né. Sem desmerecer o trabalho dele, ele foi seguro o jogo todo, mas a última escapou. O trabalho foi bem feito, um jogo inteligente, não merecíamos o empate, foi uma infelicidade nossa. Não vamos mudar nosso jeito de jogar, tentar sair jogando, claro que tem coisas a melhorar, mas ganhando se trabalha mais tranquilo. Vamos começar o Brasileiro tranquilo e vamos numa vantagem para a Bahia", disse o gringo.

O Inter jogou bem no começo. Pressionou, marcou alto, tentou muito. Saiu na frente com gol de Patrick e acabou sofrendo o empate em uma falha individual de Rodrigo Dourado. Ao fim da primeira etapa até mesmo um princípio de vaia ocorreu.

"O torcedor é inteligente e sabe que estamos trabalhando, ninguém está de sacanagem aqui. Estamos fazendo nossa parte, trabalhando. O torcedor fez sua parte até o final e teve esse gol, que merecíamos. Poderia ser 1 a 0 o jogo que seria de bom tamanho. A sorte que sempre a gente espera e que ainda não caiu do nosso lado, está caindo para tantos times ai a sorte. Hoje um pouco para nós", repetiu D'Ale.

Com um de vantagem, o Inter joga pelo empate na próxima quarta-feira, no duelo de volta. Antes, porém, estreia no Brasileiro, domingo, contra o Bahia, em casa. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos