Palmeirenses admitem começo "apático", mas exaltam classificação

Do UOL, em São Paulo

Não foi a melhor atuação do Palmeiras na temporada, longe disso, mas o empate por 1 a 1 com o América-MG nesta quarta-feira (23) garantiu uma vaga nas quartas de final da Copa do Brasil. Questionados sobre a atuação da equipe, Felipe Melo e Willian admitiram atuação abaixo do esperado no Allianz Parque.

"Sabíamos que iríamos encontrar dificuldades. A gente sabe que a equipe deles é de qualidade, e eles foram inteligentes na partida, mas também temos que assumir que fizemos um jogo abaixo do que podemos produzir", reconhece Willian, autor de belo gol de empate na etapa final, em entrevista à TV Globo..

Felipe Melo também não esconde o desempenho questionável, mas valoriza a reação do Palmeiras após o intervalo. "O sofrimento foi bom para caramba, porque a gente se cobrou dentro do vestiário. Nós nos cobramos e aí tivemos uma posição diferente no segundo tempo", afirma ao canal SporTV. "Começamos o jogo um pouco apáticos, mas depois voltamos e demonstramos a força do Palmeiras dentro de casa."

A atuação palmeirense foi ruim principalmente no primeiro tempo, quando a equipe viu seu ataque anulado pelo América-MG e por isso não conseguiu criar situações de gol. Já na segunda etapa o time melhorou um pouco, acelerou no início e tranquilizou o confronto a partir do gol de Willian, de cabeça, a meia hora do final.

"Às vezes é difícil pelo meu tamanho, mas estamos sempre ali lutando, brigando. Foi um gol bonito, e fico feliz por ter ajudado mais uma vez meus companheiros", fala o atacante, autor do 200º gol palmeirense no Allianz Parque.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos