Copa do Nordeste ganha novo formato para 2019; Bahia não confirma presença

Marcel Rizzo e Marcello De Vico

Do UOL, em Fortaleza e Santos

  • Raul Spinassé/Agência A Tarde/Estadão Conteúdo

    Campeão em 2017, Bahia deixou a reunião desta terça-feira insatisfeito

    Campeão em 2017, Bahia deixou a reunião desta terça-feira insatisfeito

A Copa do Nordeste está de cara nova para 2019. O novo formato da competição regional, aprovado nesta terça-feira (15) em uma reunião entre os clubes participantes, terá 16 times divididos em dois grupos de oito - e uma maior quantidade de clássicos já na primeira fase. As mudanças serão levadas para a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que deve oficializar a 'nova Lampions' ainda antes da Copa do Mundo da Rússia. A premiação para o campeão será de R$ 1 milhão.

As equipes de um grupo enfrentarão as do outro e, ao final de oito rodadas, as quatro melhores classificadas de cada chave avançarão para as quartas de final. Para contar com mais dérbis, os clubes do mesmo Estado não ficarão no mesmo grupo.

Desta forma, já na primeira fase da competição, haverá jogos como Bahia x Vitória, Santa Cruz x Náutico e Fortaleza X Ceará. São oito rodadas na primeira fase, em turno único, e confrontos cruzados nas quartas de final: 1º contra 4º do outro grupo e 2º contra 3º.

"A gente vai levar esse pleito para a CBF, porque é a CBF quem faz a competição. Não tem porque não aprovarem. Eu quero ver se na próxima semana eu já levo isso porque o pessoal todo já deve começar a viajar para a Copa", disse Alexi Portela, presidente da Liga do Nordeste, em entrevista ao UOL Esporte.

Vale lembrar que, atualmente, a 'Lampions' já conta com os 16 times, mas divididos em quatro chaves de quatro e os clubes jogando entre si, dentro dos grupos – e sem clássicos já na primeira fase.

O que ainda não está definido é a questão do calendário. Atualmente, a Liga do Nordeste conta com 12 datas. Porém, ela tentará negociar com a CBF e as federações regionais mais duas datas para que as quartas e as semifinais tenham jogos de ida e volta – assim como a final.

"Se a gente não conseguir, as quartas e as semis seguem com partida única", acrescentou Portela.

Bahia não confirma presença em 2019

O Bahia, um dos clubes participantes, não deixou a reunião realizada pela manhã, em Recife, satisfeito com as novidades. Guilherme Bellintani, presidente tricolor, acredita que a edição de 2019 da competição continuará sofrendo com a baixa presença de público nos jogos. Desta forma, cogita até deixar a Copa do Nordeste na próxima temporada, assim como fez o Sport.

"Algumas mudanças para 2019, mas nada significativo, infelizmente. A nossa proposta era de pontos corridos para 2020, com 12 clubes. Esse modelo de 2019 seria de transição. Mas a liga não quis debater 2020, apenas 2019. Vai ser o mesmo fracasso de público que está sendo em 2018", disse em entrevista ao UOL Esporte.

Questionado se o Bahia seguirá na competição na próxima temporada, Guilherme não confirmou: "Vamos aguardar as decisões sobre o futuro da competição".

Os prêmios:

Fase de grupos
R$ 1,9 milhão (do 1º ao 4º do ranking da CBF)
R$ 1,42 milhão (do 5º ao 8º)
R$ 1,22 milhão (do 9º ao 12º)
R$ 510 mil (do 13º ao 16º)

Quartas de final: R$ 300 mil
Semifinais: R$ 375 mil
Vice-campeão: R$ 500 mil
Campeão: R$ 1 milhão

Os times que participarão da Copa do Nordeste 2019:

Alagoas: CSA e CRB
Bahia: Bahia e Vitória
Ceará: Ceará e Fortaleza
Maranhão: Moto Club e Sampaio Corrêa
Paraíba: Botafogo
Pernambuco: Santa Cruz, Náutico e Salgueiro
Piauí: Alto
Rio Grande do Norte: ABC
Sergipe: Sergipe e Confiança

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos