Fim do sonho da Chapecoense: Paulista mantém 100% e vai às semi da Copa SP

Do UOL, em São Paulo

  • Marcos Bezerra/Futura Press/Estadão Conteúdo

    Gol de Braian garantiu a sexta vitória por 1 a 0 do Paulista em sete jogos na competição

    Gol de Braian garantiu a sexta vitória por 1 a 0 do Paulista em sete jogos na competição

O Paulista pôs fim ao sonho da Chapecoense na Copa São Paulo de futebol júnior 2017. Nesta terça-feira, no confronto entre as duas equipes pelas quartas de final da competição, a equipe de Jundiaí se impôs diante da rival, venceu por 1 a 0 e garantiu vaga nas semifinais.

Na partida do Estádio Jayme Cintra, a Chapecoense se deparou com um cenário incomum na Copa São Paulo: a torcida contrária. Empurrada ao longo do torneio, a equipe catarinense levou pressão das arquibancadas – parte da torcida gritava "bicha" nas intervenções do goleiro Tiepo. Em campo, teve dificuldades também para ditar o ritmo do jogo.

Gustavo Amorim/Colaboração para o UOL
Cena rara na Copa SP: Chapecoense jogou com torcida adversa em Jundiaí
Apesar da eliminação, a Chape deixa a Copa SP 2017 com sua melhor campanha na história do torneio. Sem jamais ter passado pela fase de grupos nas participações anteriores (2015 e 2016), realizou sete partidas em 2017 – foram três vitórias, dois empates e duas derrotas.

O Paulista, por sua vez, segue inabalável na competição: em sete jogos, foram sete vitórias, sendo seis delas por 1 a 0. Classificado, espera nas semis o vencedor do confronto entre Botafogo e Batatais (SP), que se enfrentam nesta quarta-feira (18), às 19h30 (de Brasília), em Osasco.

O jogo

Incentivado pela torcida, o Paulista precisou de pouco tempo para abrir o placar. Aos 9 min do primeiro tempo, Braian aproveitou o rebote do goleiro Tiepo e, mesmo pressionado, mandou para as redes.

O gol pesou sobre a Chapecoense, que teve dificuldades para ameçar o gol de Enzo principalmente nas faltas cobradas por Guilherme da intermediária. Aos 16 min, bateu direto e parou na defesa segura do goleiro; aos 39 min, o arremate saiu à direita do gol.

Melhor na primeira etapa, o Paulista quase ampliou em lance curioso aos 41 min: após lançamento em profundidade, o zagueiro Igor tentou afastar de cabeça e quase tirou de Tiepo – o goleiro conseguiu fazer um leve desvio, suficiente para mandar a bola para fora por pouco.

Após o intervalo, a Chape fez pressão em busca do empate. Aos 12 min, Kendy aproveitou a sobra de bola e arriscou colocado da entrada da área, obrigando Enzo a se esticar para mandar a bola para escanteio.

Superior em campo no segundo tempo, a Chape quase empatou aos 42 min: acionado na área pela esquerda, Bruno escorou e acertou o travessão de Enzo. Nos acréscimos, até Tiepo foi para a área tentar a cabeçada no escanteio - nada que tirasse do Paulista a sexta vitória por 1 a 0 na Copa SP.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos