! Avaí segura ímpeto de Ganso e Neymar, vence Santos por 3 a 1 e abre vantagem - 12/08/2010 - UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte Futebol
 
Folhapress

Rudnei faz o primeiro gol do Avaí contra o Santos no Pacaembu

12/08/2010 - 23h47

Avaí segura ímpeto de Ganso e Neymar, vence Santos por 3 a 1 e abre vantagem

Do UOL Esporte
Em Santos (SP)

O Avaí deu uma passo importante para conseguir a classificação às oitavas de final da Copa Sul-Americana. A equipe catarinense derrotou o Santos, por 3 a 1, na noite desta quinta-feira, no Pacaembu, e abriu boa vantagem no confronto.

 

RAFAEL SAI DO ESTÁDIO DE AMBULÂNCIA

  • Ricardo Nogueira/Folhapress

    O goleiro Rafael sofreu uma pancada logo no início do segundo tempo e, apesar de tentar continuar no jogo, teve de sair, sendo atendido na ambulância do estádio do Pacaembu. Segundo o médico do Santos, Rafael teve um traumatismo craniano e chegou a sentir dormência nos membros superiores, mas se manteve consciente. O goleiro foi transportado para o hospital Sírio Libanês, onde será submetido a exames.

Os visitantes abriram vantagem de 1 a 0 ao fim do primeiro tempo, e conseguiram ampliar o marcador mesmo após as entradas de Ganso e Neymar no intervalo da partida. Rudnei e Vandinho, duas vezes, marcaram os gols da equipe. Zé Eduardo fez o do Santos.

 

O jogo de volta será realizada na Ressacada, em Santa Catarina, na próxima quarta-feira, às 21h50. Para se classificar, a equipe catarinense pode perder por até 2 a 0.

O JOGO

No primeiro jogo desde a saída de Robinho e André, e com Neymar e Paulo Henrique Ganso, iniciando a partida no banco de reservas, o Santos sofreu com a forte marcação aplicada pelo adversário.

O time catarinense, no entanto, não se contentava em defender. A equipe explorava rápidos contra-ataques e jogadas pelas laterais. Em uma dela nasceu o primeiro gol do jogo. Aos 17 minutos, Patric cruzou pela direita, o goleiro Rafael chegou a cortar o lance, mas a bola caiu nos pés que Rudnei na entrada da área, que bateu forte para marcar.

O gol em nada modificou o panorama da partida. Os visitantes seguiram com a forte marcação. Apesar disso, o alvinegro conseguiu criar boas oportunidades. Marcel, por duas vezes, esteve perto de marcar, e Madson em um chute de dentro da área, também levou perigo ao gol do adversário.

 

PRINCIPAIS LANCES

PRIMEIRO TEMPO
9 min - Madson cobra falta pela ponta direita direto para o gol, e Zé Carlos dá um tapa na bola desviando para a linha de fundo.
17min - GOOOLLLLL DO AVAÍ!!!! Após confusão na área, Rafael espalma para fora dela, e Rudnei chega batendo forte. A bola ainda desvia em Edu Dracena antes de entrar.
29 min - Madson levanta a bola para a área, Marcel desvia de peixinho, e o goleiro Zé Carlos faz uma bela defesa no canto esquerdo.
37 min - Marcel arrisca chute de fora da área, e a bola passa rente a trave esquerda de Zé Carlos.
44 min - Zé Eduardo cruza pela direita, e Madson chega batendo forte de primeira. O chute, no entanto, vai para fora.
SEGUNDO TEMPO
2min - Em contra-ataque veloz, Vandinho aparece na frente de Rafael, mas o goleiro santista fecha bem o ângulo e faz uma bela defesa.
18min - GOOOLLLLL DO AVAÍ!!!! Vandinho aproveita bobeada da defesa santista, entra em velocidade rumo à grande área, e encobre Felipe com um lindo toque.
24min - GOOOLLLLL DO SANTOS!!!! Neymar carrega a bola para o meio e toca para Zé Eduardo pela direita da área. O atacante chuta forte no ângulo esquerdo de Zé Carlos e diminuiu a vantagem do adversário.
30min - GOOOLLLLL DO AVAÍ!!!! Caio aproveita desatenção da zaga santista, recebe livre na entrada da área, e rola de lado para Vandinho empurrar para o gol.
37min - Robinho finaliza dentro da pequena área e Felipe se estica para tirar a bola em cima da linha.

Dorival Júnior foi para o intervalo demonstrando muita irritação com o comportamento do time. Na volta para o segundo tempo eram previsíveis as entradas de Ganso e Neymar.

 

Os selecionáveis entraram nos lugares de Léo e Madson proporcionando uma modificação tática no time. O Santos deixou o 4-3-3 e passou a atuar no 4-4-2, com Pará atuando na lateral-esquerda, e Wesley, improvisado na direita.

O ímpeto ofensivo do Santos cresceu, mas os perigosos contra-ataques do Avaí continuaram sendo marcantes. Em um deles, logo aos 2 minutos, Vandinho recebeu livre na entrada da área, mas Rafael fez uma bela defesa. No lance o goleiro santista sofreu uma pancada na cabeça, sentiu tonturas, e pouco depois foi substituído por Felipe. Desta forma, Dorival realizou a terceira alteração possível.

Durante boa parte do segundo tempo, o Avaí seguiu sendo mais ameaçador. E aproveitando vacilo da defesa santista, aos 18 minutos, Vandinho deu um lindo toque por cima de Felipe para marcar o segundo gol.

O Santos buscou sobrevivência em jogadas individuais dos jogadores. A primeira de Neymar deu certo. Ele carregou a bola pelo meio, e tocou para Zé Eduardo marcar após chute forte no ângulo direito de Zé Carlos.

Com o gol, o Santos se animou, mas seguiu desatento na partida. Em outro vacilo defensivo o Avaí ampliou, aos 30 minutos, novamente com Vandinho.

Nos minutos finais, o Santos ainda viu Neymar sair de campo reclamando de dores na perna e aumentar o drama vivido na noite de quinta-feira.

SANTOS 1 X 3 AVAÍ

SANTOS
Rafael (Felipe), Pará, Edu Dracena, Durval e Léo (Paulo Henrique Ganso); Arouca, Wesley e Marquinhos; Madson (Neymar) Zé Eduardo e Marcel.
Técnico: Dorival Junior.

AVAÍ
Zé Carlos, Patric, Emerson, Rafael e Eltinho; Marcinho Guerreiro, Rudnei (Bruno), Davi (Marcos); e Caio; Robinho e Vandinho (Sávio).
Técnico: Antonio Lopes.

Data: 12/08/2010 (quinta-feira)
Local: Pacaembu, em São Paulo (SP)
Árbitro: Ricardo Marques
Auxiliares: Santiago Marcia e Dibert Pedrosa
Cartões amarelos: Edu Dracena (SAN); Davi, Eltinho, Rafael e Marcos (AVA)
Gols: Rudnei, aos 17 minutos do primeiro tempo; Vandinho, aos 18 e 30 min e Zé Eduardo, aos 24 minutos do segundo tempo.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host