Emocionado, Nikão dedicou gol no Atlético-PR ao filho aniversariante

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL

  • Divulgação/Atlético-PR

    Nikão perdeu o aniversário do filho de dois anos por conta do jogo no Maracanã: "meu fã número 1"

    Nikão perdeu o aniversário do filho de dois anos por conta do jogo no Maracanã: "meu fã número 1"

Logo aos cinco minutos do primeiro tempo, Nikão recebeu de Marcelo Cirino e abriu o placar para o Atlético-PR contra o Fluminense, ampliando a vantagem que levaria o Furacão à decisão da Copa Sul-Americana. Para estar bem posicionado na área, o meia-atacante atleticano abriu mão de um momento precioso: o aniversário do filho Thiago Vinícius, o "Nikinho", que completou dois anos enquanto o papai jogava no Maracanã.

"Dia especial para mim. Ele me pediu um gol de presente. Meu filho é meu torcedor número um, já sabe o hino do clube e não tira a camisa por nada em dia de jogo. Fico feliz em marcar um gol para ele e por viver esse momento com meus companheiros. A equipe toda está de parabéns e fez um grande jogo para sair daqui vitoriosa", disse o jogador, emocionado, em entrevista coletiva.

Nas redes sociais, a esposa de Nikão publicou uma homenagem aos dois, pai e filho, usando a conta do jogador:

Foi o sexto gol de Nikão na temporada em 48 jogos, o quarto na Copa Sul-Americana, o que o colocou na vice-artilharia da competição ao lado de Nicolás Fernandez, do Defensa y Justicia (ARG) e de Diomar Díaz, do Caracas (VEN). Nicolas Benedetti, do Deportivo Cali (COL), lidera o item com cinco gols marcados. Os três já estão fora da competição.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos