Ingressos acabam, e Atlético-PR pede check-in para sócios na Sul-Americana

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL

  • Reprodução

    Atlético cobra que se faça confirmação para ida ao jogo, para disponibilizar mais ingressos

    Atlético cobra que se faça confirmação para ida ao jogo, para disponibilizar mais ingressos

O sócio do Atlético-PR que quiser ir ao jogo de volta da final da Copa Sul-Americana na próxima quarta-feira (12) em Curitiba precisará fazer a confirmação - ou check-in - de que irá ao jogo até às 23h59 do próximo domingo (8). O clube divulgou as orientações no início da tarde desta quarta-feira (5), data da primeira partida da final, em Barranquilla, na Colômbia, contra o Junior.

O sócio precisa entrar no site Sócio Furacão e confirmar a presença. O clube escalonou datas conforme os setores dos estádios, pedindo prioridade no check-in confirme essa escala - que, entretanto, seguirá aberta em todos os dias.

Reprodução
Datas sugeridas pelo clube para que cada setor faça seu check-in

Sócios do Atlético não precisam comprar ingressos para acompanhar os jogos do Furacão. O detentor de uma cadeira tem acesso livre ao estádio. Entretanto, o clube adotou uma restrição para o uso das cadeiras para os sócios que possuem mais de uma no nome: cada cadeira precisa necessariamente estar atrelada a um CPF e um cadastramento biométrico, mesmo que a associação esteja no nome de outra pessoa. Isso fez com que o clube tivesse cerca de 17 mil sócios antes da venda dos ingressos, mas que a média da presença de sócios fosse entre 8 e 10 mil pessoas na temporada.

Agora, o clube exigiu dos associados a confirmação de que irão ao jogo, sob pena de terem a cadeira vendida para novos interessados nos ingressos. Em nota publicada pelo site atleticano, a justificativa é "quebrar o recorde de público do Estádio Joaquim Américo e dar a oportunidade para que o máximo de atleticanos estejam juntos nesta partida histórica, o Clube promoverá o "check-in" para os Sócios Furacão." O Atlético não informou se irá bonificar os proprietários das cadeiras que eventualmente forem vendidas a partir de segunda.

O clube ainda terá de disponibilizar até 4 mil entradas aos torcedores do Junior que forem à Curitiba, conforme regulamento da Copa Sul-Americana. O número de entradas disponíveis aos visitantes ainda não foi confirmado.

O recorde de público da Arena da Baixada pertence ao Paraná Clube, que levou 39.414 torcedores na vitória por 1 a 0 contra o Internacional, pela Série B de 2017. Paradoxalmente, o Atlético detém os recordes dos estádios dos rivais de Curitiba: Vila Capanema, do Paraná, e Couto Pereira, do Coritiba, além dos recordes de público do Pinheirão e do Eco-Estádio.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos