Cristiano Ronaldo marca e decide em virada do Real Madrid contra o Barça

Do UOL, em São Paulo

Benzema, Bale e Cristiano Ronaldo nunca haviam ganhado do Barcelona jogando juntos. Neste sábado, essa história acabou. Um gol do português nos minutos finais decretou a vitória do Real Madrid de virada no Camp Nou sobre o rival por 2 a 1. Benzema foi quem fez o primeiro do time, depois de Piqué ter aberto o placar para os mandantes.

A virada aconteceu com um jogador a menos, já que Sergio Ramos foi expulso pouco antes do gol decisivo de Cristiano Ronaldo. Apesar do resultado, o Real Madrid segue em terceiro lugar no Espanhol. São 69 pontos, um a menos do que o Atlético de Madri. O Barcelona segue liderando, com 76 pontos. 

Antes do início da partida, o Camp Nou foi palco de uma série de homenagens a Johan Cruyff, ídolo do Barcelona como jogador e também como treinador que morreu no último dia 25. Houve ainda uma nova demonstração de carinho no 14º minuto da partida, em referência ao número de camisa que Cruyff usou no clube, quando o público presente no estádio começou a aplaudir e a gritar o nome do holandês.

Com a bola rolando, o Barcelona logo dominou a posse de bola e conseguiu encaixar boas triangulações para superar a compactação adversária e chegar perto do gol defendido por Keylor Navas. Mas a primeira grande oportunidade de abrir o placar nasceu, na verdade, de um tiro de meta cobrado pelo goleiro Bravo. A bola sobrou para Neymar, que invadiu a área, atraiu a marcação e tocou rasteiro para Luis Suárez, que só teria o trabalho de rolar para as redes. Mas o uruguaio furou e desperdiçou a chance.

O Real Madrid se preocupou bastante em reforçar a marcação em cima de Messi na faixa central, usando principalmente o brasileiro Casemiro para isso. O problema é que o time passou os primeiros 20 minutos sem conseguir construir. Enquanto isso, o Barcelona seguia ameaçando e exigindo que Navas trabalhasse.

Aos poucos, os visitantes se soltaram e começaram a aparecer um pouco mais na frente, chegando principalmente pelos lados. Em um destes avanços, Carvajal cruzou da direita e encontrou Benzema com espaço dentro da área. Mas o francês pegou mal na bola e chutou muito por cima.

Depois de o primeiro tempo terminar sem gols, o Barcelona voltou a pressionar no começo do segundo em busca da vantagem. Aos nove minutos, Messi quase conseguiu isso com um chute colocado de fora da área, forçando Navas a se esticar todo para defender. Mas, aos 11, o placar finalmente foi aberto. Piqué se antecipou à marcação de Pepe em um escanteio cobrado por Rakitic e cabeceou para o gol.

 

Só que a resposta do outro lado não demorou a acontecer. Seis minutos mais tarde, Marcelo, que já vinha sendo uma das principais alternativas para fazer o Real Madrid sair para o jogo, avançou pela esquerda, cortou para o meio e ligou na direita para Carvajal, que fez o cruzamento na área. A bola desviou na zaga, mas sobrou para Benzema aproveitar o rebote com uma bela finalização e empatar.

A partida ficou mais aberta, com os dois times chegando mais ao ataque. O Real Madrid levou a melhor. Primeiro teve o gol anulado de Bale. Em seguida, Cristiano Ronaldo deu um chute cruzado que bateu no travessão. Pouco depois, o português apareceu na área para matar a bola no peito e mandar a bola para o gol, decretando a virada dos visitantes.

As duas equipes agora voltam as atenções para o primeiro duelo das quartas de final da Liga dos Campeões. O Barcelona receberá na terça-feira o Atlético de Madri, ao passo que o Real Madrid irá até a Alemanha para visitar o Wolfsburg na quarta.

Pelo Campeonato Espanhol, os dois entrarão novamente em campo no sábado. Barcelona vai encarar a Real Sociedad fora de casa. Já o Real Madrid atuará como mandante contra o Eibar.

FICHA TÉCNICA
BARCELONA 1 X 2 REAL MADRID

Local: Camp Nou, em Barcelona (Espanha)
Data: 2 de abril de 2016
Horário: 15h30 (de Brasília)
Árbitro: Alejandro Hernández
Assistentes: Teodoro Sobrino e José Naranjo
Cartões amarelos: Sergio Ramos, Carvajal (Real Madrid); Luis Suárez, Mascherano, Rakitic (Barcelona)
Cartão vermelho: Sergio Ramos (Real Madrid)
Gols: Piqué (Barcelona), aos 11 do 2º tempo; Benzema (Real Madrid), aos 17 do 2º tempo; Cristiano Ronaldo (Real Madrid), aos 40 do 2º tempo

BARCELONA: Bravo; Daniel Alves, Mascherano, Piqué e Alba; Busquets, Rakitic (Arda Turan) e Iniesta; Messi, Neymar e Luis Suárez.
Técnico: Luis Enrique

REAL MADRID: Navas; Carvajal, Sergio Ramos, Pepe e Marcelo; Casemiro, Kroos e Modric; Bale, Cristiano Ronaldo e Benzema (Jesé).
Técnico: Zinedine Zidane

UOL Cursos Online

Todos os cursos