Sem CR7, Bale brilha e comanda virada do Real Madrid sobre Rayo Vallecano

do UOL, em São Paulo

Para quem só ver o placar do jogo não vai imaginar o trabalho que o Real Madrid teve neste sábado, pela 35ª rodada do Campeonato Espanhol. Ao contrário da partida do primeiro turno, quando os merengues golearam o adversário por 10 a 2, o Rayo Vallecano deu muito trabalho ao time comandado por Zidane, que poupou muitos jogadores, inclusive Cristiano Ronaldo, com a cabeça na Liga dos Campeões. Os donos da casa abriram 2 a 0 com menos de 15 minutos, mas não suportaram a pressão final dos visitantes e viram Gareth Bale brilhar para decretar um 3 a 2 heroico no marcador. 

Com a vitória, o Real Madrid assume provisoriamente a liderança do Campeonato Espanhol. Agora, a equipe da capital soma 81 pontos, contra 79 de Barcelona e Atlético de Madri, que ainda entram em campo neste sábado. Já o Rayo continua em situação delicada, na 16ª posição, com apenas 35 pontos.

Para quem esperava um Rayo Vallecano recuado, esperando pressão do Real Madrid, se enganou. Os donos da casa demonstraram interesse no jogo, marcavam em cima e trabalhavam bem a bola no meio-campo. E não demorou muito para abrir o placar. Aos 7min, após ótima jogada de Bebé na linha de fundo, a bola passou por toda defesa merengue e encontrou Embarba sozinho na pequena área, que só completou.

Para confirmar o bom momento na partida, o Rayo ainda ampliou a vantagem na etapa inicial. Sete minutos depois, aos 14, após cobrança de escanteio, Varane cortou de forma imparcial e a bola sobrou para Miku estufar as redes e explodir de alegria os torcedores nas arquibancadas. 

Precisando reverter uma grande diferença no placar para continuar sonhando de perto com o título do Campeonato Espanhol, o Real Madrid acordou ainda no primeiro tempo. Aos 35, também após cobrança de escanteio, foi a vez da equipe comandada por Zidane marcar. Bale se antecipou aos zagueiros e diminuiu o prejuízo.

Se já estava difícil para o Real, a situação piorou antes do intervalo. Aos 42, Benzema, um dos poucos titulares em campo, se lesionou e precisou ser substituído por Lucas Vázquez. No entanto, foi dos pés do jovem atacante espanhol que saiu o gol de empate da equipe merengue. Aos 6min já do segundo tempo, Danilo cruzou e Vázquez ganhou de cabeça para deixar tudo igual.

Já nos momentos finais da partida, o Real Madrid era muito superior ao Rayo, mas pecava no último passe e não conseguia concluir a jogada. Até que Bale brilhou novamente. Aos 35min, pressionado, os donos da casa erraram um passe no meio de campo. Com a bola nos pé do galês, ele disparou, pela esquerda, invadiu a área e chutou na saída do goleiro para decretar a virada merengue.

Na próxima rodada, o Real Madrid recebe o Valencia, domingo (8), no Santiago Bernabéu, enquanto o Rayo Vallecano visita a Real Sociedad, no mesmo dia, no estádio Anoeta. Antes, no entanto, os comandados por Zinedine Zidane enfrentam o Manchester City pela primeira partida da semifinal da Liga dos Campeões. A partida acontece na próxima terça-feira, às 15h45 (de Brasília), na Inglaterra.

UOL Cursos Online

Todos os cursos