Suárez revela influência do "baixinho" Tevez em decisões de sua carreira

Do UOL, de São Paulo

  • EFE/Alejandro García

    O uruguaio ainda creditou sua fase goleadora aos solidários companheiros Neymar e Messi

    O uruguaio ainda creditou sua fase goleadora aos solidários companheiros Neymar e Messi

Carlitos Tevez nunca atuou na mesma equipe de Luis Suárez, mas isso não o impediu de exercer grande influência sobre a carreira do goleador uruguaio. De acordo com o atacante do Barcelona, o argentino foi sua maior fonte de inspiração em janeiro de 2011, quando trocou o Ajax pelo Liverpool e, consequentemente, pelo Campeonato Inglês.

"Quando eu estava jogando pelo Ajax, foi o Carlitos Tevez que me inspirou a atuar na Premier League. Eu o via jogar e pensava: 'Se o Carlitos pode, por que eu não posso?', já que ele era um baixinho entre todos aqueles defensores altos", revelou Suárez ao ESPN Deportes. O argentino desembarcou em solo inglês pela primeira vez em agosto de 2006. Na ocasião, Tevez deixou o Corinthians para assinar com o West Ham.

Posteriormente, ainda defendeu as cores dos rivais Manchester United e Manchester City, antes de atuar pela Juventus e concretizar o retorno à Argentina. Entretanto, a ordem dos fatores parece ter se invertido. Hoje no Boca Juniors e ainda na disputa pelo título da Copa Libertadores, Tevez anotou 9 gols em 2016. O uruguaio, por sua vez, balançou as redes 56 vezes nos 51 jogos já disputados pelo Barcelona na atual temporada – 11 dos tentos foram comemorados apenas nas últimas quatro partidas.

A consequência é óbvia: liderança e quatro gols acima de Cristiano Ronaldo na artilharia do Campeonato Espanhol. Apesar da fase estrelada, Suárez se recusa a receber os elogios sozinho. "O time inteiro merece crédito pela minha fase. Agora os meus colegas de equipe olham para mim porque sabem que estou na disputa. O Leo (Messi) e o Ney (Neymar) deixam as cobranças de pênalti para mim. Isso mostra que o time viu do que eu sou capaz nos últimos jogos e querem que eu continue marcando", comentou o atacante, que se transferiu do Liverpool para o Barça em julho de 2014.

"Eu nunca imaginei que marcaria tantos gols aqui (no Barcelona), nunca pensei que fosse me adaptar tão rapidamente ao estilo de jogo do time. Às vezes eles começam o toque de bola e eu penso que não sou capaz disso, que eles vão trabalhar dessa forma e eu só vou empurrar para o gol", brincou Suárez em tom divertido.

UOL Cursos Online

Todos os cursos