Real pressiona para jogar, mas Liga confirma adiamento de partida em Vigo

Do UOL, em São Paulo

O Real Madrid chegou a pressionar a Liga e o Celta de Vigo para que a partida marcada para as 17h45 (de Brasília) deste domingo não fosse adiada, mas não teve jeito. Um comunicado oficial da Liga confirma que o Estádio Balaídos não tem condições de segurança, portanto o embate foi adiado.

A princípio Celta e Real se enfrentariam no Balaídos pela 21ª rodada do Espanhol, mas o temporal que caiu na região da Galícia na madrugada deste sábado arrancou parte da cobertura do estádio. Autoridades temiam que novos ventos colocassem em risco os torcedores que estariam no local durante a partida, por isso suspenderam o evento. A Liga acatou a decisão.

Segundo o jornal espanhol As, o Real cogitou manter a viagem da delegação merengue à Galícia mesmo sabendo das más condições do estádio. A intenção do clube era oferecer alternativas para o não adiamento.

Chegou a ser cogitada a utilização de outro estádio, mas isto traria novas complicações. Quase 25 mil ingressos já tinham sido vendidos e não há outro estádio na Galícia com esta capacidade. Transferir o jogo para longe puniria os torcedores, que teriam que organizar viagem de última hora.

De certa forma o adiamento prejudica mais o Real Madrid, visto que o Celta de Vigo pouparia até nove titulares se a partida for neste sábado. A equipe foca na semifinal da Copa do Rei, que será na quarta-feira (08), contra o Alavés.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos