Desfalcado, Real Madrid domina Eibar e responde às críticas com goleada

Do UOL, em São Paulo

Cristiano Ronaldo e Gareth Bale não fizeram falta ao Real Madrid neste sábado (04). O time merengue dominou o Eibar no Estádio de Ipurúa, venceu por 4 a 1 com facilidade pelo Campeonato Espanhol. Benzema (2), James Rodríguez e Asensio fizeram os gols da vitória, e Rubén Peña diminuiu.

Se os tropeços recentes do Real reviveram a luta por um título que já parecia prometido, a resposta aos críticos veio em boa atuação. O triunfo sobre o sétimo colocado leva o time de Zidane aos 59 pontos, ainda um atrás do Barcelona, que também venceu neste sábado. Os merengues voltam a campo na terça-feira (07), quando reencontram o Napoli pelas oitavas de final da Liga dos Campeões – o Real tem vantagem de 3 a 1.

Quem brilhou: James e Benzema tomam conta

AP Photo/Alvaro Barrientos

Na ausência de dois terços do trio BBC, brilharam as estrelas de dois questionados. Benzema voltou a mostrar faro de gol, estando no lugar certo e na hora certa duas vezes em seis minutos – o segundo gol teve assistência de James. O francês retribuiu a gentileza pouco depois, cruzando da direita para o camisa 10 fazer o terceiro. Assim, em meia hora, o Real Madrid resolveu o jogo. No segundo tempo ainda teve tempo para James acertar a trave, e Asensio aproveitar o rebote.

Quem foi mal: Defesa cede gol de novo

É verdade que a parada já estava resolvida, mas na reta final a zaga madrilenha vacilou mais uma vez. A defesa que tomou sete gols nos últimos três jogos cedeu mais um aos 27 minutos da etapa final. Nacho perdeu dividida na esquerda, e o cruzamento acabou completado às redes por Rubén Peña.

Real se vira bem sem cinco peças

Vincent West/Reuters

Girando a bola de um lado a outro, o time merengue envolveu a marcação do Eibar com certa facilidade. Nem parecia que os visitantes estavam sem cinco peças – Marcelo, Carvajal e Toni Kroos no banco; Ronaldo poupado; e Bale suspenso. Os comandados de Zidane abriram três gols em 30 minutos, e logo ficou claro que o time da casa não representaria perigo. O Real Madrid atacou mais em todos os momentos do jogo. Mesmo nos curtos períodos em que o Eibar mantinha a bola, os merengues armaram bons contra-ataques. Em um deles, na etapa final, a sexta chance real de marcar virou o quarto gol.

Avalanche e armadilha de Zidane

Os três gols em meia hora deixaram a partida confortável para o Real Madrid. O melhor momento do Eibar foi nos minutos finais do primeiro tempo, pois a partir do intervalo Zidane montou uma armadilha bastante efetiva. O time da casa não se acovardou, ocupando o campo ofensivo sempre que possível, mas deixando espaços demais na retaguarda. Quando o desarme acontecia no meio-campo, James ou Benzema acionavam o contragolpe e implantavam o caos na vulnerável defesa adversária.

Bola na rede e recorde ampliado

Esta é a 46ª partida seguida em que o Real Madrid anota pelo menos um gol. A última vez que os merengues passaram em branco foi em abril de 2016, no 0 a 0 com o Manchester City pela Liga dos Campeões. A marca já supera em duas partidas o Barcelona de 1944, que detinha o recorde anterior.

Ficha Técnica

Eibar 1 x 4 Real Madrid
Data:
04/03/2017
Local: Estádio Municipal de Ipurúa, Eibar (ESP)
Hora: 12h15 (de Brasília)
Árbitro: José González González
Assistentes: José Sánchez e José Martínez
Cartões Amarelos: Escalante (Eibar); Nacho e Casemiro (Real Madrid)
Cartão Vermelho: não houve
Gols: Benzema aos 14' e aos 20', e James Rodríguez aos 30 minutos do primeiro tempo. Asensio aos 14', e Rubén Peña aos 27 minutos do segundo tempo.

Eibar: Yoel; Ander Capa, Ramis, Dos Santos e Luna (Arbilla); Escalante, Dani García, Rubén Peña, Pedro León (Inui) e Adrián (Christian Rivera); Sergi Enrich. Treinador: José Luis Mendilibar.

Real Madrid: Keylor Navas; Danilo, Pepe, Sergio Ramos e Nacho; Casemiro, Modric (Kovacic) e James Rodríguez (Isco); Lucas Vázquez, Asensio e Benzema (Mariano Díaz). Treinador: Zinedine Zidane.

UOL Cursos Online

Todos os cursos