Barça vence Real Sociedad sem Neymar e Messi fica a dois gols do 500º

Do UOL, em São Paulo

Cinco gols só no primeiro tempo, zero no segundo: os primeiros 45 minutos da vitória do Barcelona por 3 a 2 sobre a Real Sociedad não deixaram a desejar para os fãs do futebol ofensivo. Messi fez dois gols e se aproximou da impressionante marca dos 500 pelo Barcelona: com 498, agora faltam só dois. Neymar, suspenso, e Mascherano, com dores musculares, foram desfalques na partida.

O outro gol do Barça foi marcado por Paco Alcácer. A equipe visitante descontou com Umtiti (contra) e Xabi Prieto, que aproveitou lançamento do brasileiro Willian José. O resultado deixa o time catalão com 72 pontos e a três de distância do líder Real Madrid, que tem uma partida a menos. Já a Real Sociedad ocupa a sétima colocação com 52.

AP Photo/Manu Fernandez

Quase 500...

Messi entrou em campo com um histórico de 496 gols na carreira. Sem Neymar em campo, sobrou só para ele a responsabilidade de encontrar espaços entre a defesa adversária, já que essa não é a característica principal do centroavante Suárez. E o argentino não decepcionou.

Alcácer carregou a bola pela esquerda do ataque e acionou Messi no lado oposto do campo aos 16 minutos do primeiro tempo. O camisa 10 levantou a cabeça e acertou um bonito chute de fora da área, sem dar chance para Rulli.

Posteriormente, o argentino marcou seu 498º gol como profissional aos 36, mas a jogada em questão teve maior toque de sorte Suárez concluiu pela esquerda e viu o goleiro fazer a defesa. Bem posicionado e oportunista como um centroavante, Messi só tocou para a rede. Agora faltam dois gols para os 500...

O craque ainda deu assistência para o terceiro gol da equipe azul-grená, desta vez marcado por Paco Alcácer. O meia-atacante fez bom domínio pela esquerda e chutou cruzado, na saída de Rulli, para deixar o seu.

Fez falta?

Reprodução/Instagram

Expulso na derrota para o Málaga no dia 8 de abril, Neymar segue suspenso e não enfrentou a Real Sociedad nesta tarde. Na ocasião, o camisa 11 ironizou a decisão do árbitro e acabou recebendo um gancho de três partidas; deste modo, é certeza que perderá também o clássico contra o Real Madrid no dia 23, no Santiago Bernabéu - o craque está disponível para o jogo de volta da Liga dos Campeões contra a Juventus.

Sua ausência não foi tão sentida em função da boa atuação de Paco Alcácer, que até marcou. O brasileiro esteve presente no Camp Nou neste sábado e publicou foto em sua conta do Instagram.

Lado errado

Quase foi gol do brasileiro Willian José, mas Ter Stegen fez a defesa a tempo. No entanto, o goleiro alemão não contava com o toque do companheiro Umtiti, que acabou marcando contra e recolocando os visitantes no jogo aos 41.

Xabi Prieto ainda marcou o segundo apenas quatro minutos depois, aproveitando lançamento do próprio Willian José. O camisa 10 da Real Sociedad nem parou para dominar antes de fazer o gol.

Lembra dele?

Revelado pelo então Grêmio Barueri, Willian José teve o nome amplificado em rede nacional quando chegou ao São Paulo em 2011. Posteriormente, passou por Grêmio e Santos até seguir para a Espanha, onde defendeu Real Madrid, Real Zaragoza e Las Palmas antes de vestir a camisa da Real Sociedad.

O atacante foi travado em suas tentativas de finalização, mas deu bons passes neste sábado. Um deles foi o belo lançamento que originou o gol de Xabi Prieto aos 45 do primeiro tempo. Na etapa final, porém, perdeu sua melhor chance de marcar ao escolher o lado errado para o drible.

FICHA TÉCNICA
BARCELONA 3 X 2 REAL SOCIEDAD

Data e hora: 15 de abril de 2017, sábado, às 15h45 (de Brasília)
Local: Estádio Camp Nou, em Barcelona (Espanha)
Árbitro: Martínez Munuera
Cartões amarelos: Paco Alcácer, Piqué (Barcelona); Carlos Vela, Illarramendi (Real Sociedad)
Gols: Messi, aos 16 e 36 minutos, e Paco Alcácer aos 44 do primeiro tempo (Barcelona); Umtiti, contra, aos 41, e Xabi Prieto, aos 45 do primeiro tempo (Real Sociedad)

BARCELONA: Ter Stegen; Sergi Roberto, Piqué, Umtiti e Jordi Alba; Busquets, Rakitic, André Gomes (Iniesta) e Paco Alcácer (Denis Suárez); Luiz Suárez e Messi
Técnico: Luis Enrique

REAL SOCIEDAD: Rulli; Zaldúa, Raúl Navas, Iñigo Martínez e Berchiche; Illarramendi, Zurutuza (Granero) e Xabi; Oyarzabal, Carlos Vela (Canales) e Willian José (Bautista)
Técnico: Eusébio

UOL Cursos Online

Todos os cursos