Após vice no Espanhol, Iniesta reconhece 'título com justiça' do Real

Do UOL, em Santos (SP)

O título espanhol de 2016/17 do Real Madrid foi justo. E quem afirma é o próprio Iniesta, jogador do rival Barcelona. Após a vitória por 4 a 2 sobre o Eibar neste domingo (21), no Camp Nou, resultado que não impediu a conquista dos madridistas, o meio-campista admitiu que o Real 'fez mais do que o Barça' ao longo de toda competição e, por isso, ficou com a taça.

Para ser campeão neste domingo, o Barcelona precisava, além de vencer o Eibar, torcedor por uma derrota do Real Madrid em Málaga. Os comandados de Zidane, porém, venceram fora de casa por 2 a 0 e levantaram o 33º caneco da Liga de sua história.

"Fizemos o que todo mundo esperava, mas tivemos um rival que fez mais que a gente e foi campeão com justiça. Era uma tarefa complicada. É complicado quando a gente joga sem depender só da gente", afirmou Iniesta.

O Barcelona terminou o Espanhol com 28 vitórias, seis empates e quatro derrotas, contra apenas três do Real Madrid, que ainda teve 29 vitórias e os mesmos seis empates.

"Não encontramos a regularidade que é preciso para ser campeão. É uma pena, nos faltaram apenas três pontos", acrescentou o meio-campista espanhol.

Após ficar sem o Espanhol e a Liga dos Campeões, o Barcelona ainda tenta conquistar ao menos um título na temporada no próximo dia 27, quando faz a final da Copa do Rei contra o Alavés, no Vicente Calderón.

UOL Cursos Online

Todos os cursos