Com dois de C. Ronaldo, Real vence Getafe antes de "decisão" contra PSG

Do UOL, em São Paulo

Com dois de Cristiano Ronaldo, que ultrapassou a marca de 300 gols em Campeonatos Espanhóis, o Real Madrid confirmou o favoritismo e bateu o Getafe por 3 a 1 neste sábado (3) no Santiago Bernabéu.

O resultado mantém a equipe merengue na terceira colocação de La Liga, agora com 54 pontos, a sete do Atlético de Madrid e a 12 do Barcelona, que se enfrentam neste domingo no Camp Nou. O Getafe é o décimo, com 36. 

Mais que isso, o triunfo na capital espanhola renova o ânimo dos comandados de Zinedine Zidane antes do aguardado duelo de volta contra o Paris Saint-Germain pelas oitavas de final da Liga dos Campeões. Os dois times duelam nesta terça-feira (6), às 16h45 (de Brasília), no Estádio Parc des Princes, sendo que o Real tem a vantagem do 3 a 1 da ida.  

Pelo Espanhol, os merengues voltam a campo no próximo sábado (10), quando visitam o Eibar. No mesmo dia o Getafe recebe o Levante.

Retornos e ausências

REUTERS

Poupados na derrota para o Espanyol no meio de semana, Casemiro e Cristiano Ronaldo voltaram ao time titular do Real. Já Marcelo, recuperado de lesão, entrou no segundo tempo e deve ser titular contra o PSG. Kroos e Modric, por outro lado, não foram sequer relacionados para o compromisso deste sábado e dificilmente vão a campo na França por problemas físicos. 

Gol na primeira chance

O jogo começou em ritmo lento. O Real ficava com a posse, mas esbarrava na forte marcação do Getafe, que praticamente anulou o badalado trio BBC na primeira metade da etapa inicial – a ponto de a primeira finalização da partida ter sido apenas aos 19 minutos. Angel escapou pela direita e bateu fraco. Navas fez a defesa.

Os merengues, porém, foram letais, não desperdiçando a primeira oportunidade que surgiu. Depois de cobrança de escanteio, a zaga dos visitantes afastou mal e Bale chutou no canto para abrir o placar aos 23 minutos.

Gol 300 de CR7 em La Liga

O Getafe deu mais espaços após o gol, e o Real quase ampliou com Benzema e Carvajal. A equipe da casa ainda teve uma mãozinha da arbitragem, quando Rémy saiu na cara de Navas, e o assistente marcou impedimento equivocadamente.

Quando tudo indicava que os times iriam para o vestiário com 1 a 0 no placar, Cristiano Ronaldo apareceu. O português recebeu bom passe de Benzema e cortou dois marcadores antes de chutar forte para fazer seu 300º gol em edições de La Liga (em 286 jogos).

Com um a menos, Getafe desconta

Não bastasse a boa vantagem, a vida do Real no jogo ficou mais fácil aos 2 minutos do segundo tempo. Rémy, que já tinha amarelo, deixou a mão no rosto de Nacho e foi expulso.

Com 11 contra 10, os donos da casa reduziram o ritmo e acabaram levando um susto aos 20 minutos, quando Nacho derrubou Molina na área. Pênalti, convertido por Portillo. 

Marcelo volta e dá assistência a CR7

Afastado dos gramados desde o último dia 18, quando sofreu uma contusão na coxa, Marcelo entrou no lugar do Theo e mostrou nos 28 minutos que esteve em campo que está pronto para enfrentar o PSG, criando boas jogadas de perigo e distribuindo dribles pelo lado esquerdo.

O brasileiro chegou a cruzar para Cristiano Ronaldo marcar aos 23, mas a arbitragem anulou o lance, apontando falta do português sobre o marcador na disputa pelo alto. Na sequência, o camisa 7 teve nova chance, na pequena área, e Martínez fez uma defesa impressionante.

Mas a dupla Marcelo/Cristiano funcionaria aos 33 minutos. O brasileiro recebeu de Sergio Ramos e cruzou na medida para o português escorar e fazer o segundo no jogo. Bale ainda acertou a trave nos acréscimos e por pouco não transformou a vitória em goleada no Bernabéu.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos