Messi decide com golaço, e Barça supera Atlético de Madri em "final"

Do UOL, em São Paulo (SP)

O Barcelona deu um passo importante para conquistar o Campeonato Espanhol. Em duelo direto pela primeira posição na tabela, o clube catalão derrotou o vice-líder Atlético de Madri pelo placar de 1 a 0, no Camp Nou, e aumentou a vantagem no topo graças (de novo) a Lionel Messi. O argentino decidiu o decisivo duelo com um golaço de falta, ainda na etapa de abertura da partida.

O 21º resultado positivo conquistado em 27 rodadas deixa o Barcelona com 69 pontos, enquanto o Atlético de Madri permanece com 61, ainda confortável na segunda posição – o Real Madrid soma 54. Os catalães, além de líderes e com oito pontos de frente em relação ao adversário colchonero, ainda estão invictos na liga, restando 11 rodadas para o fim.

Fora o objetivo coletivo conquistado e o reencontro com as vitórias após tropeço no meio de semana contra o Las Palmas, o jogo deste domingo permitiu a Messi quebrar mais uma barreira na carreira. O golaço de falta aos 26min da primeira etapa fez o argentino chegar a 600 gols na carreira.

O clube catalão agora conta com uma semana inteira de trabalho antes do próximo compromisso. No dia 10, a partir das 16h45 (de Brasília), o Barça encara o Málaga, fora de casa. É o último duelo antes do duelo decisivo contra o Chelsea, dia 14, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões.

O Atlético de Madri, que não perdia desde o fim de janeiro e agora vê o adversário catalão mais distante, já volta a campo na quinta-feira para encarar o Lokomotiv de Moscou, no primeiro confronto pelas oitavas de final da Liga Europa. O duelo será realizado no Estádio Wanda Metropolitano.

600 vezes Messi

David Ramos/Getty Images
Messi anotou um golaço para chegar a 600 na carreira; argentino novamente foi decisivo

Difícil apontar alguém no futebol mundial que aproveite mais as bolas paradas do que Lionel Messi. Mais uma vez, com maestria, o craque argentino usufruiu-se de uma falta para brilhar pelo Barcelona. Com um golaço, aos 27min, o camisa 10 abriu o placar para o time catalão e alcançou o número 600 de gols na carreira. Oblak ainda tentou chegar na bola, mas o efeito tirou qualquer chance do de defesa para o goleiro do Atlético.

Já virou rotina

Três rodadas, três gols de falta. Ninguém para Lionel Messi. Diante do Girona, o argentino cobrou a infração sob a barreira, à la Ronaldinho. Contra o Las Palmas, chute forte no ângulo direito do goleiro adversário. Já contra o Atlético de Madrid, chute sobre os defensores e em um lugar praticamente indefensável para Oblak. Virou rotina.

Problemas para a Liga dos Campeões?

Se a vitória deste domingo deixa o Barcelona novamente em situação confortável no Campeonato Espanhol, um lance em específico na partida deixou o torcedor catalão preocupado. Ainda na primeira etapa, Andrés Iniesta sentiu uma lesão muscular na coxa direita e precisou ser substituído. O jogador teve como primeiro diagnóstico uma lesão no bíceps femoral da coxa direita.

Coutinho discreto; Paulinho no banco

David Ramos/Getty Images
Messi anotou um golaço para chegar a 600 na carreira; argentino novamente foi decisivo

Os brasileiros do Barcelona tiveram uma noite discreta no decisivo duelo. Philippe Coutinho, que novamente atuou boa parte do jogo pelo lado direito, teve atuação tímida durante o decisivo confronto. Já Paulinho, barrado do time titular neste domingo, entrou apenas na parte final do jogo. Pelo lado do Atlético de Madri, Filipe Luis sofreu defensivamente e acabou substituído aos 30min da etapa final.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos