Cristiano Ronaldo marca duas vezes, e Real Madrid derrota o Eibar

Do UOL, em São Paulo

O Real Madrid não fez uma boa partida neste sábado, contra o Eibar, mas teve Cristiano Ronaldo novamente desequilibrando nos momentos decisivos. O craque português anotou os dois gols da vitória do time merengue: 2 a 1, em rodada pelo Campeonato Espanhol.

"Temos que seguir desfrutando do melhor do mundo", disse Casemiro, exaltando o camisa 7 do Real. 

"Cristiano é de outra galáxia", celebrou Zidane.

O triunfo do Real dá um respiro ao time no torneio nacional. O clube de Madri ainda segue distante do líder Barcelona. O time catalão tem 69 pontos, enquanto o Real tem 57 pontos, na terceira colocação. O Atlético de Madri é o segundo, com 61 pontos.

Para a partida deste sábado, fora de casa, Zidane levou a campo seu time titular, mas optou por deixar Benzema no banco.

AFP
Bale voltou a ter chance entre os titulares, mas teve atuação discreta no taque

Reservas contra o PSG, em Paris, Kroos, Modric e Isco e voltaram ao time titular neste sábado. Pouco aproveitado na temporada, Gareth Bale ganhou nova chance entre os 11 titulares.

O Real abriu o placar aos 33 min do 1º tempo com Cristiano Ronaldo, com destaque para o maravilhoso passe de Modric. O croata recuperou a bola no ataque e fez lançamento longo para CR7. Na cara do gol, o português finalizou com força.

Fazendo boa campanha dentro de suas expectativas, o Eibar (8º colocado) manteve a mesma postura mesmo após o gol do Real.

Eibar empatou de cabeça

O time da casa jogou fechado, esperando uma chance em bola parada. E o empate aconteceu aos 5 min da segunda etapa. Ramis fez de cabeça em cobrança de escanteio.

O gol do Eibar acordou o Real. O time merengue passou a pressionar o rival. Modric, Cristiano Ronaldo e Bale perderam grandes chances de gol.

CR7. Sempre ele. Confira o gol da vitória

Zidane decidiu aumentar o efetivo no ataque. Benzema entrou no lugar de Kroos. O Real seguiu atacando.

A sete minutos do fim, o Real voltou a ficar à frente no marcador. Carvajal cruzou na cabeça de Cristiano Ronaldo, que marcou o seu segundo na partida.

Durante cinco minutos, o Real jogou com um a menos. Isso ocorreu porque Sergio Ramos correu em direção ao vestiário. O zagueiro sentiu dor de barriga quando a partida estava empatada por 1 a 1. Ele retornou a campo faltando 12 minutos para o fim, pouco antes do segundo gol de CR7. 

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos