Messi entra no 2º tempo, salva o Barcelona e garante empate com o Sevilla

Do UOL, em São Paulo

Lionel Messi mais uma vez mostrou que é o grande diferencial do Barcelona. Voltando de lesão, entrou apenas no segundo tempo e, com um gol salvador nos minutos finais, ajudou o time catalão a arrancar o empate por 2 a 2 com o Sevilla, neste sábado (31), pelo Campeonato Espanhol.

Apesar do tropeço, o Barça segue com tranquila vantagem para o vice-líder Atlético de Madri, que jogará neste domingo (1), contra o Deportivo La Coruña. Atualmente a diferença entre os dois times é de 12 pontos: 76 a 64. O Real Madrid, que bateu o Las Palmas neste sábado, está logo atrás, com 63.

O 1º tempo do jogo foi muito aberto em Sevilha, pois o Barcelona foi para cima, mas deixou muitos espaços para o adversário contra-atacar. Depois de muitas chances desperdiçadas, o Sevilla finalmente aproveitou uma: Franco Vázquez ficou sozinho na área, recebeu um bom passe e empurrou a bola para o gol.

Apesar da desvantagem, o Barça voltou para o segundo tempo sem Messi. E, com apenas 4min de jogo, Muriel pegou um rebote e fez o segundo gol do Sevilla.

Messi entrou em campo aos 12min da etapa final e fez o Barça melhorar. Mas os contra-ataques do Sevilla continuaram perigosos, tanto que Muriel e Layún chutaram para fora em ótimas oportunidades.

Quando a derrota parecia certa, as coisas começaram a dar certo nos instantes finais. Luis Suárez, aos 42min, aproveitou cobrança de escanteio e marcou. E, no minuto seguinte, após passe da esquerda, Messi apareceu na frente da área e chutou no canto para deixar o placar igual.

Brasileiros apagados

Paulinho e Philippe Coutinho começaram o jogo como titulares, mas tiveram atuações apagadas. Paulinho esteve mais recuado que o normal, levou pouco perigo ao ataque e saiu no 2º tempo, substituído por Denis Suárez. Já Coutinho esteve muito preso à ponta esquerda e só assustou em dois chutes de longa distância.

Desperdício do Barcelona

O Barça podia ter aberto o placar no começo do jogo, pois Suárez teve duas boas oportunidades. Na primeira Rico defendeu, logo depois ele chutou para fora por pouco. Philippe Coutinho também assustou o goleiro aos 18min. 

Desperdício de Correa

O Sevilla também esteve perto de fazer gols no começo do jogo. Aos 11min, Correa recebeu a bola sozinho na área, mas demorou para chutar e foi interceptado por Sergi Roberto. Depois, aos 21min, Correa marcou de cabeça.

Quase golaço

Com apenas 6min de jogo, quase aconteceu um lance de gênio: Iniesta, que estava com a bola na intermediária pela lateral, viu o goleiro adiantado e chutou para o gol. Por pouco a bola não entrou.

Que vacilo!

Aos 8min do 2º tempo, a defesa do Barcelona vacilou e deixou Navas avançar da intermediária até a área sozinho, frente a frente com Ter Stegen. Mas ele se atrapalhou para driblar o goleiro e, quando chutou, mandou a bola nas pernas de Piqué. Vázquez ficou com o rebote, mas chutou para fora. 

SEVILLA 2 x 2 BARCELONA

Local: Estádio Sánchez Pizjuán
Data: 31/03/2018
Árbitro: José Luiz González 
Cartões amarelos:  Sergio Rico (SEV), Mercado (SEV)
Gols: Vázquez, 36min do 1º tempo; Muriel, aos 4min do 2º tempo; Suárez, aos 42min do 2º tempo; Messi, aos 43min do 2º tempo.

SEVILLA
Sergio Rico; Mercado (Layún), Kjaer, Lenglet, Escudero; Nzonzi, Banega, Navas (Nolito), Correa (Pizarro); Vázquez e Muriel
Técnico: Montella

BARCELONA
ter Stegen; Sergi Roberto, Piqué, Umtiti, Jordi Alba; Rakitic, Paulinho (Denis Suárez), Iniesta (Paco Alcácer); Dembélé (Messi), Suárez e Coutinho
Técnico: Valverde

UOL Cursos Online

Todos os cursos