Na despedida de Iniesta, Barça vence Real Sociedad com golaço de Coutinho

Do UOL, em São Paulo

  • Albert Gea/REUTERS

Após 22 anos, 674 jogos e 32 títulos, a história de Andrés Iniesta no Barcelona chegou ao fim. O ídolo azul-grená se despediu do clube catalão neste domingo (20), na vitória por 1 a 0 sobre a Real Sociedad, no Camp Nou, pela rodada de encerramento do Campeonato Espanhol. Philippe Coutinho garantiu o resultado com um golaço.

Iniesta, que chegou às categorias de base do Barça aos 12 anos, não teve atuação brilhante, mas mostrou muita disposição diante de mais de 84 mil espectadores. Com homenagens desde a entrada em campo, o craque atuou por 80 minutos na sua despedida do clube. Ele ainda não anunciou qual será o seu destino, embora o futebol asiático seja apontado como provável destino.

Com o resultado, o Barcelona encerra a quase impecável trajetória de campeão espanhol desta temporada com 93 pontos. Em 38 jogos, foram 28 vitórias, nove empates e apenas uma derrota. Já a Real Sociedad fechou a disputa na 12ª colocação, com 49 pontos.

O melhor: Coutinho garante vitória com golaço

Apontado como possível "herdeiro" de Iniesta no Barcelona, Philippe Coutinho deu um bom motivo para deixar a torcida animada. Aos 11 minutos do segundo tempo, o meia acertou um belo chute de fora da área e marcou um golaço para abrir o placar. Foi o oitavo gol do brasileiro com camisa do clube catalão. Ele deixou o campo aos 21 minutos para entrada de Messi.

Barça domina, mas Willian José assusta

O clima era de festa, mas com a bola rolando, o Barcelona encontrou dificuldades ao longo do primeiro tempo. Apesar de dominar as ações com 64% de posse de bola, a equipe não conseguiu converter a vantagem em gol. Sem inspiração, a equipe ameaçou pouco. As melhores chances, inclusive, foram criadas pela Real Sociedad. Willian José, em duas oportunidades levou perigo ao gol de Ter Stegen.

Iniesta tenta o último gol

Andrés Iniesta não conseguiu se despedir do Barcelona com gol, mas bem que tentou. A melhor oportunidade aconteceu aos 10 minutos de jogo, quando o espanhol arriscou um chute de longe e levou perigo ao gol adversário. A bola chegou a tocar a rede pelo lado de fora e enganou parte torcida, que vibrou com o lance. Ao todo, Iniesta marcou 57 gols ao longo de sua trajetória pelo clube.

Dembélé preocupa após falta dura

Dembélé preocupou a torcida pouco antes do fim do primeiro tempo. O francês sofreu falta dura de Raúl Navas e ficou caído no gramado se queixando de dores no tornozelo. Ele precisou ser atendido fora de campo antes de voltar para o jogo. O atacante tentou seguir em campo, mas foi substituído logo aos sete minutos do segundo tempo e iniciou tratamento com gelo no banco de reservas.

Vale lembrar que Dembélé tem um histórico de lesões no Barça. Em setembro do ano passado, o atacante sofreu grave lesão na coxa que o deixou fora de ação por três meses e meio. Em janeiro, ele voltou a desfalcar a equipe por conta de novo problema muscular.

Messi recebe a braçadeira de Iniesta

Lionel Messi não começou entre os titulares na festa de Iniesta. Autor de 45 gols na temporada, atacante foi poupado pelo técnico Ernesto Valverde e ficou como opção no banco de reservas. Maior vencedor do Barcelona ao lado justamente de Iniesta, o craque teve a chance de atuar pela última vez ao lado do companheiro por cerca de 20 minutos. Na saída de Iniesta, o argentino recebeu a braçadeira do agora ex-capitão, que deixou o campo pela última vez como jogador do Barcelona no minuto 80 (em referência à camisa 8).

Homenagens antes...

Iniesta vem recebendo inúmeras homenagens desde que anunciou que deixaria o clube ao término da temporada. Neste domingo, claro, não poderia ser diferente. Antes da bola rolar, o ídolo foi recebido por um corredor formado pelos jogadores da Real Sociedad. Na sequência, os torcedores exibiram um mosaico com a frase "Infinit Iniesta" (Iniesta Infinito) e o número 8 – usado pelo craque – deitado, formando o sinal de infinito. Ele também trocou placas com o meia Xabi Prieto, que vai se aposentar depois de 15 anos defendendo a Real Sociedad.

Aos oito minutos de jogo – novamente em referência ao número utilizado pelo meia espanhol –, a torcida exibiu uma faixa atrás do gol defendido por Ter Stegen: "Obrigado por tanto", dizia.

... e depois do jogo

Após o apito final, o Barcelona recebeu o troféu de campeão espanhol desta temporada. A equipe havia assegurado o título com quatro rodadas de antecedência, no dia 29 de abril. Além disso, como era de se esperar, o clube deu continuidade às homenagens a Iniesta.

Vem reforço aí?

Enquanto Iniesta se despede, a torcida do Barcelona vive a expectativa da chegada de outro craque: Antoine Griezmann. O atacante é apontado como o grande alvo do clube catalão para a próxima temporada, e mesmo sem qualquer anúncio oficial já havia torcedor vestindo camisa com o nome do francês. Neste domingo, Griezmann entrou em campo no empate em 2 a 2 entre Atlético de Madrid e Eibar.

UOL Cursos Online

Todos os cursos