Messi e Coutinho marcam, e Barcelona estreia com vitória no Espanhol

Do UOL, em São Paulo

  • Lluis Gene/AFP

    Messi comemora primeiro gol do Barça no Camp Nou

    Messi comemora primeiro gol do Barça no Camp Nou

Atual campeão, o Barcelona estreou com o pé direito na temporada 2018/2019 no Campeonato Espanhol. Neste sábado (18), a equipe catalã desencantou no segundo tempo, bateu o Alavés por 3 a 0 no Camp Nou e somou os primeiros três pontos na tabela.

Messi, cobrando falta ao melhor estilo Ronaldinho Gaúcho, por baixo da barreira, abriu o placar. O craque argentino ainda fez o terceiro nos acréscimos, enquanto o brasileiro Philippe Coutinho, que começou no banco, anotou o segundo dos donos da casa.

O Barça volta a campo no próximo sábado, quando visita o Valladolid. No mesmo dia, o Alavés recebe o Betis.

Erguendo a taça

Teve festa no Camp Nou antes mesmo de a bola rolar. O capitão Lionel Messi levantou diante da torcida a taça da Supercopa da Espanha, conquistada no último domingo no Marrocos com a vitória por 2 a 1 sobre o Sevilla. 

Gol 6 mil

Ao abrir o placar no duelo deste sábado, Messi anotou o gol de número 6 mil do Barcelona na história do Campeonato Espanhol. O argentino também já havia marcado o de número 5 mil, no ano de 2009. 


Banco do Brasil

Mais da metade dos jogadores que começaram a partida no banco de reservas do Barça eram brasileiros: o meia Rafinha, os recém-contratados Arthur e Malcom e Philippe Coutinho, que acabou perdendo a vaga no meio-campo para Sergi Roberto. O jogador da seleção entrou no lugar de Semedo no intervalo, com Roberto sendo deslocado para a lateral direita. Arthur também entraria na etapa final.  

Pouca emoção 

LLUIS GENE / AFP

Como esperado, o Barcelona dominou as ações e teve 75% da posse de bola na etapa inicial. A primeira chance surgiu logo aos 3 minutos, em chute cruzado de Messi. Em seguida, porém, a equipe da casa enfrentou muita dificuldade para criar oportunidades diante de um rival que se defendeu bem. Lento na troca de passes em muitos momentos, o time catalão só voltou a levantar a torcida nos dez minutos finais. Messi chegou a cobrar falta no travessão e Dembélé parou em boa defesa de Pacheco.  

Sempre ele

Com Coutinho em campo, o Barcelona aumentou o ritmo na etapa final e contou com a inspiração de Messi para pressionar. Logo no início, o camisa 10 iniciou boa jogada que terminou em defesa do goleiro após chute de Alba. Aos 18, em nova cobrança de falta na entrada da área, o argentino não perdoou: chute rasteiro, por baixo da barreira, no melhor estilo Ronaldinho Gaúcho. Logo em seguida, Messi recebeu na área, chutou colocado e acertou a trave. 

Coutinho e Messi decidem

Albert Gea/Reuters

O Barcelona seguiu melhor após o gol. Pacheco evitou o segundo em chutes de Luis Suárez e de Coutinho. O meia da seleção, porém, marcaria aos 37 minutos, após limpar a marcação, puxar para o pé direito ao seu melhor estilo e soltar uma bomba. Ainda houve tempo para Messi fazer mais um nos acréscimos, recebendo com liberdade na área antes de chutar de canhota.

Ficha técnica

Barcelona 3 x 0 Alavés

Data: 18/08/2018
Local: Estádio Camp Nou, em Barcelona (Espanha)
Hora: 17h15 (de Brasília)
Cartões amarelos: Torres, Maripán (Alavés)
Cartões vermelhos: Nenhum

Gols: Messi, aos 18 e aos 47, e Coutinho, aos 37 minutos do segundo tempo.

Barcelona: Ter Stegen; Semedo (Philippe Coutinho), Piqué, Umtiti e Alba; Busquets (Vidal), Roberto e Rakitic; Dembélé (Arthur), Messi e Suárez. Técnico: Ernesto Valverde

Alavés: Pacheco; Martín, Maripán, Laguardia e Duarte; Manu, Wakaso, Torres (Bastón), Jony (Marín) e Ibai; Sobrino (Burgui). Técnico: Abelardo Fernández.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos