Botafogo ganha 30 dias para entregar documento e evitar exclusão do Carioca

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Vitor Silva/SSPress

O Botafogo é o único dos quatro grandes do Rio de Janeiro que não conta com a certidão negativa de débito, que equaciona as dívidas fiscais com a Receita Federal. E isso pode gerar a exclusão do clube do Campeonato Carioca, já que essa é uma determinação do Profut para a participação das equipes nas competições.

Como o Botafogo aderiu ao Profut recentemente, o TJD-RJ (Tribunal de Justiça Desportiva) determinou que o clube terá trinta dias a partir desta sexta-feira para entregar as CNDs na Federação do Rio de Janeiro e evitar a punição. Dessa forma, a participação do Alvinegro no Estadual está confirmada, pelo menos até a data limite do processo.

Antes da resolução do TJD, a estreia do Botafogo neste sábado, contra o Bangu, em São Januário, estava em dúvida.

A decisão não preocupa o Botafogo já que o clube afirma ter feito todo o necessário para retirar as CNDs. Tudo foi pago após o Alvinegro desbloquear quantia considerável referente a luvas por ter assinado renovação com a TV Globo. A expectativa em General Severiano é que isso tudo seja resolvido até a próxima semana e bem antes do prazo de 30 dias.

"Até quarta ou quinta-feira tudo será normalizado. O TJD entendeu que fizemos tudo certo e que seria questão de tempo para que tudo fosse resolvido, como o Botafogo tem assegurado desde que essa história surgiu", disse o vice jurídico do clube, Domingos, Fleury, ao UOL Esportes.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos