Guerrero faz golaço, mas Flamengo cede empate ao Boavista pelo Carioca

Do UOL, em São Paulo

Paolo Guerrero ficou onze jogos sem marcar com a camisa do Flamengo, mas começou 2016 renovado. O peruano marcou um lindo gol neste sábado, contra o Boavista, em Mesquita. O time rubro-negro, entretanto, apresentou baixa produção em campo e acabou levando o empate a 15 minutos do fim da partida.

O duelo, realizado no estádio Giulite Coutinho, ficou devendo tecnicamente. O Flamengo não esteve inspirado. Guerrero fez um golaço aos 29 min, dominou a partida, mas não teve a capacidade para "matar" o rival. Everton e Chiquinho não deram qualquer criatividade no meio-campo.

Os pouco mais de 7 mil torcedores presentes vaiaram o zagueiro Wallace, que falhou no gol do Boavista.

Em contrapartida, a contratação que gerou atrito com o Botafogo, o meio-campista Willian Arão apareceu bem na criação do setor contra o Boavista. Ele foi o melhor em campo neste sábado.

"A gente teve chance de fazer o gol. Não marcamos o Leandrão. Agora já foi. Temos que arrumar isso lá na frente para que não ocorra mais", disse Arão.

O Flamengo não contou com vários atletas neste sábado. Emerson Sheik e Gabriel, por exemplo, alegaram desgaste excessivo após vitória contra o Atlético-MG, pela Primeira Liga, e foram para o duelo em Édson Passos.

Já Alan Patrick, Mancuello e Cuéllar ainda não estão registrados na competição.

O jogo

O primeiro lance de perigo da partida aconteceu aos 25 min. Guerrero recebeu a bola em velocidade e chutou no goleiro Vinicius.

Quatro minutos depois, o peruano marcou um golaço. Ele avançou pela entrada da área e chutou colocado, no ângulo.

O Flamengo melhorou sensivelmente após o gol de Guerrero. O Boa Vista não esboçou qualquer jogada ofensiva bem articulada no 1º tempo.

Apesar da vantagem mínima no 2º tempo, o Flamengo não se arriscava na frente no 2º tempo e controlava a bola, explorando a fragilidade do Boavista.

Mas a preguiça do ataque flamenguista na etapa final custou caro. Em rara aparição na linha de fundo, o Boavista chegou ao gol. Thiago Silva cruzou na cabeça de Leandrão, que pulou sozinho, na frente de Paulo Victor, empatando a partida.

Nos minutos finais, o Flamengo foi para cima. Rodinei avançou em velocidade e quase desempata, mas o goleiro Vinicius defendeu.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 1 X 1 BOAVISTA

Torneio: Campeonato Carioca
Data: 30 de janeiro de 2016 (sábado)
Horário: 19h30
Local: estádio Giulite Coutinho, em Édson Passos, Mesquita/RJ
Árbitro: Leonardo Garcia Cavaleiro
Assistentes: Diogo Carvalho Silva e Luiz Claudio Regazone

Gols: Guerrero, aos 29 min do 1º tempo, Leandrão, os 31 min do 2º tempo

FLAMENGO: Paulo Victor; Rodinei, Juan, Wallace e Jorge; Willian Arão, Márcio Araújo, Chiquinho, Everton (Jajá), Marcelo Cirino (Thiago Santos); Guerrero. Técnico: Muricy Ramalho

BOAVISTA: Vinicius; Nerylon (Thiaguinho), Victor, Anderson Luiz e Davi; Douglas Pedroso, Julio César (Thiago Silva), Romarinho (Lucas), Guilherme Costa; Matheus Paraná e Leandrão. Técnico: Rodrigo Beckham

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos