Muricy criticou passes errados e viu colombiano resolver problema no Fla

Vinicius Castro

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Gilvan de Souza/ Flamengo

    O volante Cuéllar se destaca com um início de qualidade nos passes pelo Flamengo

    O volante Cuéllar se destaca com um início de qualidade nos passes pelo Flamengo

O técnico Muricy Ramalho vive uma espécie de lua de mel com alguns jogadores do Flamengo. Mas um recém-chegado em especial caiu nas graças do comandante por resolver o problema que o incomoda desde a chegada ao Rubro-negro: os passes errados na saída de bola.

São apenas dois jogos pelo time da Gávea, mas o colombiano Gustavo Cuéllar apresentou as qualidades desejadas pelo treinador. O volante ocupou bem os espaços e deu opções com frequência aos companheiros nas vitórias sobre Fluminense (2 a 1) e Resende (5 a 0). O principal destaque foi o aproveitamento altíssimo nos passes.

Cuéllar é o homem responsável por iniciar a maioria das jogadas e quase não falha no fundamento. Para se ter uma ideia, o colombiano errou apenas um passe em 46 tentativas na goleada de domingo.

A movimentação e a qualidade técnica têm facilitado o trabalho dos outros jogadores de meio de campo e feito a bola chegar com mais qualidade ao ataque.

O colombiano tem papel fundamental para que o Flamengo idealizado por Muricy dê certo. Ele foi elogiado por procurar soluções rápidas e encurtar os espaços para evitar erros de passes. Cuéllar joga verticalmente, o que só o faz crescer no conceito do treinador.

"O volante no futebol de hoje em dia tem que jogar. Não existe mais aquele brucutu. Escolhemos o Cuéllar pelo histórico do bom passe e da movimentação. Ele tem a pegada curta muito importante. Está se adaptando pouco a pouco e em um ambiente muito bom", comentou o comandante.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos