Organizada do Fla nega ter invadido CT; Caetano mantém posição

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Pedro Ivo Almeida/ UOL

    Organizadas do Flamengo têm o costume de protestar no Ninho do Urubu

    Organizadas do Flamengo têm o costume de protestar no Ninho do Urubu

A reunião entre torcedores e jogadores do Flamengo durante o treinamento da última segunda-feira no Ninho do Urubu ainda causa contradições entre as partes. Na manhã desta terça, a "Torcida Jovem", organizada responsável pelo acesso ao CT, negou ter "invadido" o local, expressão usada pela diretoria do clube para tratar o caso.

Diretor-executivo do Rubro-Negro, Rodrigo Caetano, porém, manteve a tese de invasão em entrevista coletiva. O dirigente, que foi ao encontro dos torcedores, alega ter recebido um telefonema deles anteriormente e negado a entrada. No entanto, segundo o próprio, ele não conseguiu demovê-los da ideia.

"Tentei demovê-los da ideia, não consegui. Fui claro e disse que ia tomar providências, mas não deu tempo de chegar a segurança", declarou.

Em seguida, Caetano classificou a conversa como "razoável" e repudiou o ato:

"Após o treino, seis atletas tiveram uma conversa de 15 minutos. Efetuando a invasão, que foi lamentável, a conversa foi razoável. É um episódio lamentável. Infelizmente corriqueiro. Cada semana vemos CT's invadidos e reuniões com torcidas que se dizem organizadas".

Por meio de nota oficial, a Torcida Jovem do Flamengo, que recentemente retornou de suspensão do Ministério Público, além de negar a invasão, alega ter ido ao Ninho do Urubu para conversar com Rodrigo Caetano, e que o dirigente, em seguida, convocou cinco jogadores para a reunião. No texto, relatam que em seguida outros atletas também se aproximaram, "o que, por si só, já é o suficiente para mostrar que não houve sinal nenhum de invasão", dizem.

No comunicado, também explicam o motivo de terem ido ao CT: "A visita ao Ninho teve o objetivo de transmitir aos responsáveis pelo futebol do clube, o que os torcedores passam para acompanhar o clube e as consequências dos últimos resultados".

Cirino é barrado

Durante o treinamento desta terça-feira, o técnico Muricy Ramalho deu indícios de que irá barrar o atacante Marcelo Cirino. Em seu lugar atuou Gabriel. A equipe treinou com Paulo Victor, Rodinei, Wallace, Juan, Jorge; Márcio Araújo, Arão, Ederson; Gabriel, Emerson Sheik e Filipe Vizeu.

A delegação embarca para Brasília às 15h30 e enfrenta o Vasco, nesta quarta-feira, no estádio Mané Garrincha, às 21h45. 
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos