Willian Arão é hostilizado pela torcida do Botafogo em clássico com Fla

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

Willian Arão não teve sossego no clássico deste sábado diante do Botafogo, em Juiz de Fora. O volante reencontrou o ex-time pela primeira vez e, como esperado, foi hostilizado pelos botafoguenses durante os 90min. Xingamentos foram escutados toda vez que o jogador tocava na bola, além de muitas vaias.

Vale ressaltar que Willian Arão teve comportamento profissional e em nenhum momento reagiu aos xingamentos ou vaias. Concentrou-se apenas em jogar futebol e teve bom desempenho durante os 90min e ajudou o Flamengo a não ser derrotado. Foi ele quem iniciou a jogada que terminou no empate do Rubro-negro em gol marcado por Cirino.

Outra curiosidade foi a ausência de Airton, que se lesionou logo com alguns minutos de jogo e não pode cumprir um pedido feito por torcedores na reapresentação do Botafogo em 2016. Na oportunidade, botafoguenses pediram para o volante chegar mais duro em Willian Arão. Airton sorriu para os torcedores e foi ovacionado.

Willian Arão deixou o Botafogo no fim de 2015 e causou uma verdadeira batalha judicial. Isso porque o Alvinegro afirmava ter um documento que garantia a renovação automática por mais uma temporada. O volante queria o Flamengo, ignorou o documento e assinou com o maior rival.

E a decisão do jogador parece ter sido acertada, já que a Justiça deu ganho de caso a Arão em duas oportunidades. O Botafogo ainda espera ser ressarcido e promete recorrer em todas as instâncias. Até lá, o Rubo-negro segue com atleta sem ter gasto qualquer dinheiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos