Nenê e Andrezinho celebram reconstrução vascaina após "ano sofrido"

Do UOL, em São Paulo

Os experientes Nenê, de 34 anos, e Andrezinho, de 32, não conseguiram conter a emoção após o título do Vasco no Campeonato Carioca. Minutos após o empate por 1 a 1 contra o Botafogo, no Maracanã, a dupla exaltou a reconstrução do Cruz-Maltino após a queda no Campeonato Brasileiro do ano passado.

Ídolo da torcida vascaína desde o segundo semestre de 2015, Nenê conquistou seu primeiro título com a camisa do Cruz-Maltino após mais de uma década atuando no exterior.

Vasco ergue a taça de campeão e faz festa no Maracanã

  •  

"Significa muita coisa. É especial, é o primeiro título no meu país depois de tanto tempo fora. Tivemos um ano sofrido (em 2015), mas não desistimos nunca. Fomos profissionais e aguentamos o tranco. Começamos o ano de forma maravilhosa e estamos retribuindo o carinho da torcida", disse o meia.

Contratado pelo Vasco no meio de 2015, Andrezinho foi um dos pilares da campanha vitoriosa da equipe no Carioca. Apontado como um dos principais responsáveis pela distribuição de jogo, ele classificou o título deste domingo como o mais emocionante de sua carreira.

"Inexplicável a emoção. Sem demagogia nenhuma, fui campeão da Libertadores, da Sul-Americana, da Recopa, já ganhei o Carioca. Mas, se esse não foi o título mais importante, foi o mais emocionante. Pelo que sofremos no ano passado, pelo trabalho que fizemos para reconstruir a equipe. Caímos de pé e resgatamos o orgulho do torcedor mesmo após o rebaixamento para a segunda divisão. Demonstramos união e uma equipe dessa do Botafogo só abrilhanta mais a conquista", declarou o camisa 7.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos