Riascos deixa futuro no Vasco nas mãos do presidente: "Pergunte ao Eurico"

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

Xodó da torcida do Vasco, Riascos tem o futuro incerto. Com contrato de empréstimo se encerrando semana que vem, ele, a princípio, terá que retornar ao Cruzeiro, embora já tenha manifestado mais de uma vez o desejo de permanecer no Cruzmaltino. Por conta disso, o colombiano deixou sua situação nas mãos do presidente do clube, Eurico Miranda.

"Pergunte ao Eurico, papai!", disse ao UOL Esporte utilizando a gíria paternal, muito utilizada pelos boleiros.

Em participação a um programa na rádio Tupi, Miranda foi enfático:

"Se estiver dentro das nossas condições, ele fica. Se não, vai com Deus e as almas santas".

Até o momento, o Cruzeiro está disposto somente a vendê-lo, e o custo pela sua permanência não é nem um pouco barato: cerca de R$ 8 milhões.

O Vasco, apesar de ter vontade de mantê-lo, já alegou que não fará tal investimento, e torce para que não chegue nenhuma proposta ao clube mineiro, fato que ajudará o Cruzmaltino a convencer a Raposa a prorrogar o empréstimo de Riascos até o fim da temporada.

Outra questão que o Vasco terá que aceitar é a situação salarial. O Cruzeiro estipulou recentemente que, em casos de jogadores emprestados, o clube que acolher o atleta terá que arcar com pelos menos 75% dos vencimentos. Atualmente, o Cruzmaltino divide praticamente em 50% os custos do colombiano com os mineiros.

Uma reunião entre as partes acontecerá nesta semana para tentar solucionar o caso. Enquanto isso, seus companheiros de time torcem por um desfecho positivo.

"O Riascos é muito na dele, mas você vê a felicidade que o Riascos está no Vasco, no Rio de Janeiro, a família se adaptou... Nosso grupo não é da boca para fora, é uma família. Já joguei em vários clubes que não tinham essa união. E vestiário ganha jogo e títulos. Essa é uma marca do Vasco", disse o meia Andrezinho ao Sportv.

Já Riascos tenta manter a tranquilidade:

"Estou feliz pelo título. Nesta semana mantenho a concentração e aguardo uma definição do meu futuro com esperança".

Heroi do título ainda não foi procurado para renovar

Outro que tem seu futuro indefinido é o heroi do título, o zagueiro Rafael Vaz, autor do gol vascaíno no empate em 1 a 1 com o Botafogo na final do Campeonato Carioca.

Seu contrato se encerra com o clube cruzmaltino dia 6 de junho e, até o momento, a diretoria não o procurou com uma proposta de renovação.

"Estou focado no Vasco. Eu tenho contrato. A diretoria e o meu empresário resolvem isso. Por enquanto, não teve nenhum contato. Quero ficar. Estou feliz no Vasco. A torcida me acolheu muito bem", disse o zagueiro.

Vaz chegou a treinar por sete meses afastado no ano passado e voltou a ganhar oportunidades com o técnico Jorginho. Mesmo assim, ele ainda é reserva da dupla Luan e Rodrigo.

Vasco ergue a taça de campeão e faz festa no Maracanã

  •  

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos