Flu domina Vasco com facilidade e vence primeiro clássico carioca em 2017

Pedro Ivo Almeida

Do UOL, no Rio de Janeiro

O Fluminense se deu bem no primeiro clássico do futebol carioca do ano e derrotou o Vasco tranquilamente por 3 a 0 neste domingo (29), no estádio Nilton Santos, o Engenhão. Os gols foram marcados por Wellington, Henrique Dourado e Marcos Júnior. A partida foi válida pela rodada de abertura da Taça Guanabara.

É a primeira vez que a agremiação cruzmaltina perde em estreia do Estadual desde 2011. E com o resultado, o time de Cristóvão Borges não pontuou e ficou na última posição do Grupo C do Estadual. Já os comandados por Abel Braga estão liderando a chave, com três pontos. 

Na próxima rodada da Taça Guanabara, o Vasco enfrenta o Bangu na quinta-feira, 02 de fevereiro, às 16h30 (de Brasília), no estádio Moça Bonita. Já o Tricolor das Laranjeiras recebe o Resende na quarta-feira (01), também às 16h30 e no mesmo local.

Quem foi bem: Equatoriano se destaca

Sornoza foi o destaque da partida, após uma boa pré-temporada com dois gols em três jogos. O meia equatoriano participou dos dois gols do Fluminense, principalmente no segundo, no qual o jogador fez uma bela jogada individual e deixou para Henrique Dourado empurrar para o fundo das redes. 

Quem foi mal: Defesa do Vasco vacila

Apesar de ter um bom entrosamento, a defesa do Vasco não foi bem na tarde deste sábado. Primeiro, os jogadores deixaram Wellington sozinho para cabecear e depois não conseguiram segurar Sornoza.

Pressão dos mandantes

O Vasco tomou conta do jogo no início do primeiro tempo. Em 20 minutos foram duas chances boas de gol, com direito a uma bola no travessão depois de cabeçada de Luan.

Pausa providencial para o Flu

E a parada técnica surtiu efeito ao Fluminense, que voltou com tudo pressionando o Vasco, até que chegou ao gol aos 26 minutos do primeiro tempo. Sornoza lançou para Henrique Dourado e o atacante levantou para o centro da área. Douglas chegou dividindo com Martin Silva e Rodrigo e, na sobra, Wellington Silva chegou batendo para o fundo das redes.

Ceifador não perdoa

Não demorou muito para os visitantes ampliarem. Aos 32 da etapa inicial, Sornoza fez bela jogada individual e, após tirar os marcadores, cruzou rasteiro na área. Henrique Dourado chegou e empurrou para o gol.

Alterações de Cristóvão surtem efeito, mas...

O Vasco voltou diferente para o segundo tempo. Guilherme Costa e Éderson entraram nos lugares de Escudero e Eder Luis, respectivamente. Com as substituições, a agremiação anfitriã ganhou velocidade e chegou com perigo ao gol adversário. Apesar disso, o time comandado pelo técnico Cristóvão Borges pecou nas finalizações no início da etapa complementar.

Abel Braga cauteloso

Administrando a vantagem no placar, o técnico Abel Braga preferiu ser cauteloso e colocou o volante Luiz Fernando no lugar do meia Sornoza.

Para selar a vitória

Em contra-ataque rápido aos 35 minutos do segundo tempo, o Fluminense fez o terceiro e selou a vitória. Gustavo Scarpa carregou até a entrada da grande área e tocou para Marcos Júnior, que entrou aos 30, chutar na saída de Martín Silva.

Público tímido no início do Carioca

UOL

O fato de ter um clássico logo na primeira rodada não animou o público para o Campeonato Carioca. Com dois setores fechados – Norte e Sul –, o Engenhão teve uma presença tímida de torcedores neste Vasco x Fluminense. Nos lados Oeste e Leste (áreas centrais do estádio), muitos assentos vazios. Nos jogos do Botafogo e na estreia do Flamengo, no último sábado, os números já não tinham sido bons

Confusão antes da bola rolar

No primeiro clássico do futebol carioca em 2017, a primeira confusão. E já com dezenas de detidos. A Polícia Militar do Rio de Janeiro teve que agir para controlar um tumulto nos arredores do Engenhão momentos antes do duelo entre Vasco. De acordo com informações do Major Silivio Luiz, comandante do Grupamento Especial de Policiamento em Estádios (Gepe), 30 vascaínos foram detidos quando se deslocavam para a entrada destinada aos tricolores.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 3 X 0 VASCO

Local: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Hora: 17h (horário de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá
Auxiliares: Luiz Claudio Regazone e Thiago Henrique Neto Corrêa
Cartões amarelos: Thalles e Nenê (Vasco); Orejuela, Renato Chaves e Léo (Fluminense)
Público: 11.043 pagantes e R$ 353.060,00 de renda
Gols: Fluminense - Wellington, aos 26 minutos do primeiro tempo, Henrique Dourado, aos 32 do primeiro tempo e Marcos Júnior aos 36 do segundo tempo.

Vasco: Martín Silva, Madson, Luan, Rodrigo e Henrique; Julio dos Santos, Andrezinho, Escudero (Guilherme Costa) e Nenê; Eder Luis (Éderson) e Thalles
Técnico: Cristóvão Borges

Fluminense: Diego Cavalieri; Lucas (Renato), Renato Chaves, Henrique e Léo; Orejuela; Douglas, Sornoza (Luiz Fernando), Scarpa e Wellington Silva (Marcos Júnior); Henrique Dourado
Técnico: Abel Braga
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos