Defesa falha três vezes, e reservas do Fluminense perdem para Nova Iguaçu

Do UOL, no Rio de Janeiro

Em situação confortável, o Fluminense mandou os reservas a campo para encarar o Nova Iguaçu neste domingo. O time, porém, não teve boa atuação. A defesa viveu uma tarde de tormenta, falhou três vezes e viu o Nova Iguaçu vencer por 3 a 1, em Edson Passos. Marlon, Adriano e Nogueira (contra) marcaram para os visitantes, enquanto Pedro descontou para o Tricolor.

O Fluminense segue na liderança do Grupo C e volta a campo na quinta-feira, quando medirá forças com o Botafogo, no Estádio Nilton Santos. Já o nova Iguaçu, vice-líder do Grupo B, receberá a Portuguesa, na quarta-feira.

Time com apenas dois titulares em campo: Orejuela e Diego Cavalieri

Campeão da Taça Guanabara e único time a estrear com vitória no Grupo C da Taça Rio, o Fluminense foi a campo com apenas dois titulares. Orejuela e Diego Cavalieri. O volante é um dos destaques do time neste início de temporada. O goleiro, por outro lado, sofre com lesões e tem disputa acirrada com Julio Cesar.

Reginaldo vacila duas vezes e tem participação direta em gol do Nova Iguaçu

Revelado nas categorias de base do Fluminense, Reginaldo rodou o Brasil até receber uma oportunidade de pertencer ao elenco do clube das Laranjeiras. Campeão da Taça Guanabara, o Tricolor poupou os titulares e o zagueiro teve a chance que esperava, mas... Logo aos 5min tentou sair jogando e perdeu a bola. Na tentativa de recuperar, levou drible desmoralizante e viu o Nova Iguaçu abrir o placar, com Marlon. Esse foi o quarto jogo do defensor, que balançou as redes uma vez.

'Pistoleiro'! Pedro mostra qualidade e comemora gol ao estilo Luis Suarez

Bem no jogo, o jovem atacante deu sequência às jogadas de ataque com muita inteligência. Aos 11min, marcou gol importante. O Fluminense já perdia por 1 a 0 e Pedro, de cabeça, deixou tudo empatado. Depois, não tece mais oportunidades para estufar as redes. No segundo tempo, o jogador esteve apagado como o restante do time.

Após Reginaldo, Nogueira também vacila e entrega 2º gol do Nova Iguaçu. E faz 3º contra

Se o primeiro gol do Nova Iguaçu surgiu após erro individual de Reginaldo, o segundo foi de maneira semelhante. A diferença é que Nogueira foi o responsável pelo segundo erro. O jovem zagueiro do Fluminense errou ao recuar e reclamou de falta não sinalizada. Melhor para Adriano que tocou na saída de Cavalieri e fez o segundo. Para piorar, o jogador ainda marcou, contra, o terceiro do adversário.

Nova Iguaçu volta melhor no 2º tempo: pênalti não marcado e bola na trave

O início do segundo tempo representou um verdadeiro massacre do Nova Iguaçu. Mal no jogo, o Fluminense foi inteiramente dominado. Os visitantes foram prejudicados com um pênalti não marcado, após Calazans colocar a mão na bola. Em seguida, Adriano chutou forte da entrada da área e acertou o pé da trave. O terceiro gol, porém, veio com Nogueira, que marcou contra.

Flu tenta reação, mas terceiro gol 'mata' duelo

O Fluminense entrou no segundo tempo disposto a reagir, mas a boa atuação do Nova Iguaçu impedir que os donos da casa tivessem sucesso. Quando saiu o terceiro gol dos visitantes, marcado por Nogueira contra, o Tricolor entregou os pontos e aceitou a derrota.

Pré-jogo tem descontração e pagode do Sorriso Maroto

Tradicional nos vestiários de clubes brasileiros, o pagode marcou presença no pré-jogo do Fluminense, que se preparava para enfrentar o Nova Iguaçu. O som escolhido é do grupo Sorriso Maroto: "Eu vacilei". O problema é que o vacilo não ficou apenas fora das quatro linhas.

FLUMINENSE 1 X 3 NOVA IGUAÇU

Data e hora: 19/03/2017, domingo, às 16h (horário de Brasília)
Local: Estádio Giulitte Coutinho, em Edson Passos (RJ)
Arbitragem: Patrice Maia (RJ)
Auxiliares: Jackson Lourenço Massarra dos Santos e Wallace Muller Barros Santos
Cartões amarelo: Reginaldo, Léo Pelé, Nogueira  (FLU) Vinicius Matheus, Bruno Simões, Lucas, Paulo Henrique e Anderson (NIG)
Gols: Marlon, aos 5min, e Pedro, aos 11min, e Adriano, aos 37min do primeiro tempo. Nogueira (contra), aos 26min do segundo tempo

Fluminense
Cavalieri; Matheus Norton, Nogueira, Reginaldo e Calazans; Orejuela, Wendel, Marquinho (Léo) e Marcos Júnior (Maranhão); Osvaldo (Lucas Fernandes) e Pedro
Técnico: Abel Braga

Nova Iguaçu
Jefferson; Thiago Crispim (Vinicius Matheus), Bruno Simões, Mário Henrique e Lucas; Paulo Henrique, Caio (Renan), Anderson (Iuri) e Wescley; Marlon e Adriano
Técnico: Edson Souza

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos