Pimpão se responsabiliza e explica gol perdido: "É questão de segundo"

Do UOL, em São Paulo

O resultado do clássico entre Vasco e Botafogo neste domingo (19) teria sido diferente se Rodrigo Pimpão tivesse convertido a chance que teve nos minutos finais. Ele ficou cara a cara com Martín Silva e bateu fraco demais, por isso se desculpou na saída de campo e assumiu a responsabilidade pelo erro.

"Eu me responsabilizo por ter tomado esta decisão. É questão de segundo quando temos que tomar uma decisão ali na frente do goleiro. Eu decidi, mas acabei batendo muito fraco, e o zagueiro tirou", explica o atacante, sem se eximir da culpa.

"Poderíamos ter saído com a vitória nos meus pés, mas não conseguimos. O jogo foi truncado, e eu me responsabilizo pelo gol perdido. Mas satisfeito por ter ajudado o Botafogo a sair, senão com a vitória, pelo menos com o empate", pondera Pimpão.

A chance de gol foi mesmo claríssima aos 42 minutos do segundo tempo. Pimpão partiu em velocidade pela direita e foi acionado em lindo lançamento de Sassá. O atacante ficou na cara do goleiro e chegou a tirar de Martín Silva, mas o volante Jean se recuperou e afastou a bola.

Elenco já mira o Fluminense

Foi só o árbitro apitar o final do clássico entre Vasco e Botafogo para os botafoguenses passarem a pensar no Fluminense. "A gente vem disputando grandes jogos. Cada partida tem sido uma decisão. Infelizmente não conseguimos uma vitória hoje, mas vamos trabalhar forte e buscar no clássico contra o Fluminense", diz Emerson Silva ao canal Sportv logo na saída do gramado.

Sassá é outro a já estar com a cabeça no Tricolor das Laranjeiras. Ele avaliou o jogo do Botafogo e encerrou dizendo que "agora é descansar e pegar o Fluminense". O time alvinegro recebe o Flu nesta quinta-feira (23), no Estádio Nilton Santos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos