Ainda bota medo? Como está Loco Abreu na volta ao Brasil

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Fernando Soutello/AGIF

Loco Abreu saiu do Botafogo em 2012 e, em 2017, voltou ao futebol brasileiro após rodar por cinco países diferentes. O experiente atacante fechou com o Bangu. Não oferece o mesmo perigo de outrora, mas todo cuidado é pouco com o camisa 13, que marcou três gols em nove jogos disputados.

O início do uruguaio no Bangu foi avassalador: foram três gols nos três primeiros jogos do atacante. Os números poderiam ser ainda melhores, mas Loco Abreu desperdiçou dois pênaltis na competição – contra Vasco e Boavista. Neste domingo, ele reencontra o Botafogo, às 16h, em Moça Bonita.

Apesar dos 40 anos, Loco Abreu mostra estar com o físico em dia. O experiente atacante jogou todos os jogos do Bangu no Campeonato Carioca e foi substituído em apenas uma oportunidade – contra o Nova Iguaçu, aos 38min do segundo tempo.

Evidentemente que o jogador usa toda sua experiência para encontrar os atalhos do campo e não correr mais que o necessário. O ímpeto da juventude é claramente substituído pela inteligência adquirida ao longo dos anos.

O time joga em função de Loco Abreu, insistindo bastante nas bolas aéreas. O problema é que a qualidade dos companheiros nem sempre ajuda. Contra o Flamengo, por exemplo, o uruguaio deixou Bruno Luiz na pequena área em condições de marcar. O chute saiu mascado para fora.

Que Loco Abreu não é o mesmo de anos atrás, quando ainda jogava no Botafogo, não é novidade. Mesmo assim, todo cuidado é pouco com o uruguaio.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos