Juiz e assistente de pênalti inexistente contra o Flamengo são afastados

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

O árbitro Luiz Antonio Silva Santos e o assistente Daniel Espírito Santo estão afastados por tempo indeterminado.

A dupla foi responsável pela marcação do pênalti que resultou no gol de empate do Vasco ante o Flamengo.

A resolução foi tomada pelo Grupo de Gerenciamento de Problemas (GGP) da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj).

"Chegamos à conclusão que houve um erro de interpretação e com isso um pênalti não marcado", afirmou Sergio Santos, membro da Comissão de Arbitragem e de Futebol do Rio de Janeiro (Coaf-RJ).

Na jogada, a bola tocou na barriga de Renê, mas um pênalti foi marcado para o Vasco. Nenê cobrou e decretou o empate em 2 a 2 com o Flamengo.

"Quando comecei minha carreira no profissional, me falavam que eu ia passar dificuldades com arbitragem, mas que seria inteligente fazer poucos comentários.A gente viu que não foi pênalti, foi nítido. A gente se sente lesado, é um clássico", disse Zé Ricardo, técnico do Flamengo.

Veja o pênalti polêmico do clássico

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos