Vasco e Botafogo estudam custos e não descartam final no Engenhão

Bernardo Gentile e Pedro Ivo Almeida

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Satiro Sodré/SSPress/Botafogo

    Engenhão pode ser o palco da final da Taça Rio, no próximo domingo (16)

    Engenhão pode ser o palco da final da Taça Rio, no próximo domingo (16)

Com a vaga garantida na final da Taça Rio, Vasco e Botafogo começam a discutir o local do jogo decisivo a ser realizado no próximo domingo. A preferência de clubes e federação seria por mais um clássico disputado no Maracanã, mas a opção de ter a partida no Estádio Nilson Santos (Engenhão) não está descartada.

Especialmente por um possível custo elevado do "maior do mundo", jogar na casa do rival se tornou uma hipótese para o Cruzmaltino.

"O regulamento é claro e diz que a final deve ser realizada no Maracanã. Mas vamos sentar e avaliar os gastos de lá também. Isso não será uma questão. Não seria problema jogar no Engenhão, se fosse o caso", comentou o presidente vascaíno, Eurico Miranda.

O mandatário botafoguense, Carlos Eduardo Pereira, deixou as portas abertas para receber a decisão.

"Vamos respeitar o regulamento, que aponta Maracanã ou Estádio Nilton Santos como palco da final. Temos ótima relação com o Vasco e se quiserem utilizar nosso estádio não terá problema algum. Vamos aguardar os próximos dias", disse.

Clubes, Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj) e Odebrecht – que administra a concessão do Maracanã – esperam ter uma definição até terça-feira (11).

O Botafogo confirmou sua vaga após a vitória por 3 a 1 sobre o Fluminense neste domingo (9). Já o Vasco selou o lugar na final depois de segurar o empate por 0 a 0 com o Flamengo no último sábado (8).

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos