Vasco joga por ânimo contra reservas do Botafogo na final da Taça Rio

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Thiago Ribeiro/AGIF

    Rivais voltam a se encontrar. Agora, pela decisão da Taça Rio

    Rivais voltam a se encontrar. Agora, pela decisão da Taça Rio

Quando pisarem o gramado do Estádio Nilton Santos, às 16h, Vasco e Botafogo estarão disputando quem leva para casa a Taça Rio. Só que a conquista de logo mais tem pesos diferentes nos destinos e nos objetivos dos clubes na temporada.

Eliminado da Copa do Brasil pelo Vitória, o Cruz-maltino vê a decisão como uma possibilidade de trazer um pouco de ânimo para São Januário, ainda que bater o rival não signifique vantagem alguma na semifinal do Carioca. Já o Botafogo trata a final como um objetivo secundário. Após bater o Atlético Nacional por 2 a 0, o Alvinegro tem todas suas atenções voltadas para a partida contra o Barcelona, quinta, 21h45, também pela Libertadores.

Prova maior de que o Botafogo prioriza o torneio sul-americano não poderia existir: apenas alguns jogadores voltaram ao Rio depois do triunfo em Medellín. A maioria permaneceu por lá e embarcou rumo a Guayaquil, no Equador.

Do outro lado, é o contrário. Apesar do regulamento confuso, o título é tratado em São Januário como um passo vital para a retomada da confiança. Depois do último treino, Luis Fabiano, que teve efeito suspensivo concedido, deu a dimensão do clássico.

"Jogo decisivo é sempre importante. Não podemos de maneira nenhuma vacilar. Clássico é decidido nos detalhes. Precisamos estar concentrados do primeiro ao último minuto para não sermos surpreendidos. É uma grande oportunidade do Vasco mostrar que está no caminho certo e evoluir", disse ao site oficial vascaíno.

Pelos lados do Botafogo, que deve contar com jogadores como Bruno Silva e Sassá, o jogo, ainda que decisivo para o Carioca, não gera toda esta expectativa. O discurso oficial, no entanto, é de foco total no Vasco.

"Espero um jogo muito duro. Não tem essa de time reserva ou titular. Vamos para vencer o jogo. É esperar o Jair chegar de viagem e ouvir o que ele tem para falar", afirmou Matheus Fernandes, em entrevista ao site do Alvinegro. 

VASCO X BOTAFOGO

Data e hora: 16/4/2017, às 16h (horário de Brasília)

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)

Juiz: Bruno Arleu de Araújo

Auxiliares: Silbert Faria e Jackson Lourenço Massarra dos Santos

VASCO: Martín Silva, Gilberto, Rafael Marques, Rodrigo e Henrique; Jean, Douglas, Andrezinho, Nenê e Yago Pikachu; Luis Fabiano. Técnico: Milton Mendes

BOTAFOGO: Hélton Leite, Fernandes, Igor Rabello, Renan Fonseca e Gilson; Bruno Silva, João Paulo, Matheus Fernandes e Leandrinho; Guilherme e Sassá. Técnico: Jair Ventura

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos