Carpegiani diz que jogou pressão nos ombros dos jovens: "Fla é isso"

Do UOL, no Rio de Janeiro

O técnico do Flamengo, Paulo César Carpegiani, aprovou o desempenho do time sub-20, que jogou no lugar dos profissionais e venceu o Volta Redonda por 2 a 0, nesta quarta-feira, no Raulino de Oliveira. Nem o fato de se tratar do primeiro jogo da maioria dos atletas assustou.

E isso não tem nenhuma ligação com algo que fez o técnico do Flamengo. Pelo contrario. Segundo Carpegiani, os jovens receberam ainda mais pressão no vestiários, já que estão acostumados por jogarem desde cedo em um clube grande como o Rubro-negro.

"Para mim, em termos de personalidade, eu esperava justamente isso. Que eles não tivessem medo de jogar. Eu disse que eles tinham uma enorme responsabilidade, e eu não tirei isso dos ombros deles. Muito pelo contrário, coloquei mais. Isso faz parte do menino feito no Flamengo. Flamengo é isso. Eles têm que saber que pertencem a um grande clube", disse Carpegiani.

"Para mim, (a atuação) não foi nenhuma novidade. Os meninos têm boa qualidade, têm personalidade e demonstraram isso. Fizemos 35 minutos de muito bom futebol. Futebol de movimentação, dinâmica, recuperação. Tomamos a iniciativa. No segundo tempo, por causa da preparação de apenas 10 dias, seguramos um pouco", completou o treinador do Flamengo.

Para o próximo jogo, o Flamengo deverá ter o reforço de alguns jogadores do elenco principal. Rodinei, René, Léo Duarte, Vinícius Júnior e Lincoln serão titulares no jogo de domingo. Segundo Carpegiani, o time completo deverá estrear contra o Vasco, no dia 27.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos