Topo

Esporte


Sob olhares de Eurico e Campello, Vasco vence o Nova Iguaçu em São Januário

Do UOL, em São Paulo

21/01/2018 18h57

Após semanas turbulentas na política do clube, o Vasco encontrou paz dentro de campo e venceu a primeira no Campeonato Carioca. Neste domingo (21), o Cruz-Maltino superou o Nova Iguaçu por 4 a 2 em São Januário pela segunda rodada da Taça Guanabara. Evander, Andrés  Ríos, Yago Pikachu e Andrey anotaram os gols da equipe cruz-maltina; Murilo Henrique e Bruno Smith marcaram para os visitantes.

A vitória vascaína aconteceu de forma mais complicada do que se desenhava no início do confronto. Após abrir 2 a 0 no primeiro tempo, o time de Zé Ricardo viu o adversário chegar ao empate durante a segunda etapa. Quando a partida se encaminhava para o fim, no entanto, o Vasco conseguiu marcar mais duas vezes e garantir o triunfo.

Com o resultado, o Cruz-Maltino sobe para a terceira posição do Grupo A, com três pontos. O Nova Iguaçu, que ainda não venceu no campeonato, é o último colocado, com um.

Portões fechados

A partida foi realizada sem a presença de torcedores por conta da falta de responsáveis pela parte operacional do estádio. Isso já havia acontecido na estreia diante do Bangu, na última quinta-feira (18), quando o Vasco foi derrotado por 2 a 0.

Presidente na arquibancada

Thiago Ribeiro/AGIF
Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF

Eleito presidente do Vasco para o próximo triênio na última sexta-feira, Alexandre Campello acompanhou a partida das sociais de São Januário. A nova diretoria será empossada nesta segunda-feira. Além dele, o agora antecessor Eurico Miranda também esteve presente no estádio e, curiosamente, assistiu ao jogo da sala da presidência.

Bernardo Gentile
Imagem: Bernardo Gentile

Do lado de fora de São Januário, cerca de 20 torcedores protestaram contra o futuro presidente do clube nas entradas das sociais com gritos de "Fora Campello" e "Campello traíra" enquanto o jogo acontecia do lado de dentro do estádio. O mandatário venceu a eleição após encerrar aliança com Julio Brant e se juntar a Eurico Miranda. A mudança de "lado" não foi bem vista por parte da torcida. 

No último sábado, Campello já havia experimentado as críticas e rejeição nas redes sociais durante a primeira entrevista coletiva como novo mandatário. Os torcedores chegaram inclusive a promover um "vomitaço", ato em repúdio ao dirigente do clube. 

Duas vezes pela esquerda

Se na estreia diante do Bangu o Vasco teve dificuldades marcar, neste domingo a cenário foi bem diferente. Embora o Nova Iguaçu tenha criado as primeiras oportunidades, esbarrando em Martín Silva, foi a equipe cruz-maltina quem conseguiu balançar as redes duas vezes logo na etapa inicial. E pelo mesmo caminho: com cruzamentos de Henrique pela esquerda.

O primeiro saiu aos 16 minutos, quando Evander aproveitou a bola levantada para dentro da área e desviou de cabeça. Aos 29, Ríos ampliou depois de antecipar a marcação e completar para a meta.

Nova Iguaçu busca o empate

A sensação de que o Vasco havia encaminhado a vitória já na etapa inicial se esvaiu logo no início do segundo tempo. Aos 16 minutos, Murilo Henrique aproveitou cobrança de escanteio da direita e cabeceou firme para diminuir a desvantagem.

O empate do time visitante aconteceu aos 35 minutos. Bruno Smith contou com vacilo de marcação de Rafael Galhardo e emendou de cabeça para o gol.

Pikachu e Andrey garantem a vitória

O drama vascaíno após sofrer o segundo gol durou pouco. Três minutos depois do empate, Andrey aproveitou erro na saída de bola do Nova Iguaçu e tocou para Yago Pikachu colocar o Vasco em vantagem mais uma vez. O próprio Andrey, inclusive, foi responsável por sacramentar a vitória. Após cruzamento de Wágner, o meia apareceu para completar de cabeça para o gol.

Próxima rodada

O Vasco volta a campo na próxima quarta-feira (24) contra a Cabofriense, em Bacaxá. A partida será o último "teste" da equipe antes do clássico contra o Flamengo, na quarta rodada. Já o Nova Iguaçu recebe o Volta Redonda, no Laranjão.

FICHA TÉCNICA
VASCO 4 X 2 NOVA IGUAÇU

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 21 de janeiro de 2018
Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda

GOLS 
Vasco: Evander, aos 16 minutos do 1º tempo; Andrés Ríos, aos 29 minutos do 1º tempo, Yago Pikachu, aos 38 minutos do 2º tempo; e Andrey, aos 45 minutos do 2º tempo.
Nova Iguaçu: Murilo Henrique, aos 16 minutos do 2º tempo; e Bruno Smith, aos 35 minutos do 2º tempo.

VASCO: Martín Silva; Yago Pikachu, Ricardo, Erazo e Henrique; Wellington, Desábato, Wágner e Evander; Paulinho e Andrés Ríos. Técnico: Zé Ricardo.

NOVA IGUAÇU: Jefferson; Daniel Damião, Raphael Azevedo, Murilo Henrique e Lucas; Paulo Henrique, Caio Cezar, Robinho e Jonathan; Wescley e Adriano. Técnico: Edson Souza. 

Mais Esporte