Sob olhares de Eurico e Campello, Vasco vence o Nova Iguaçu em São Januário

Do UOL, em São Paulo

Após semanas turbulentas na política do clube, o Vasco encontrou paz dentro de campo e venceu a primeira no Campeonato Carioca. Neste domingo (21), o Cruz-Maltino superou o Nova Iguaçu por 4 a 2 em São Januário pela segunda rodada da Taça Guanabara. Evander, Andrés  Ríos, Yago Pikachu e Andrey anotaram os gols da equipe cruz-maltina; Murilo Henrique e Bruno Smith marcaram para os visitantes.

A vitória vascaína aconteceu de forma mais complicada do que se desenhava no início do confronto. Após abrir 2 a 0 no primeiro tempo, o time de Zé Ricardo viu o adversário chegar ao empate durante a segunda etapa. Quando a partida se encaminhava para o fim, no entanto, o Vasco conseguiu marcar mais duas vezes e garantir o triunfo.

Com o resultado, o Cruz-Maltino sobe para a terceira posição do Grupo A, com três pontos. O Nova Iguaçu, que ainda não venceu no campeonato, é o último colocado, com um.

Portões fechados

A partida foi realizada sem a presença de torcedores por conta da falta de responsáveis pela parte operacional do estádio. Isso já havia acontecido na estreia diante do Bangu, na última quinta-feira (18), quando o Vasco foi derrotado por 2 a 0.

Presidente na arquibancada

Thiago Ribeiro/AGIF

Eleito presidente do Vasco para o próximo triênio na última sexta-feira, Alexandre Campello acompanhou a partida das sociais de São Januário. A nova diretoria será empossada nesta segunda-feira. Além dele, o agora antecessor Eurico Miranda também esteve presente no estádio e, curiosamente, assistiu ao jogo da sala da presidência.

Bernardo Gentile

Do lado de fora de São Januário, cerca de 20 torcedores protestaram contra o futuro presidente do clube nas entradas das sociais com gritos de "Fora Campello" e "Campello traíra" enquanto o jogo acontecia do lado de dentro do estádio. O mandatário venceu a eleição após encerrar aliança com Julio Brant e se juntar a Eurico Miranda. A mudança de "lado" não foi bem vista por parte da torcida. 

No último sábado, Campello já havia experimentado as críticas e rejeição nas redes sociais durante a primeira entrevista coletiva como novo mandatário. Os torcedores chegaram inclusive a promover um "vomitaço", ato em repúdio ao dirigente do clube. 

Duas vezes pela esquerda

Se na estreia diante do Bangu o Vasco teve dificuldades marcar, neste domingo a cenário foi bem diferente. Embora o Nova Iguaçu tenha criado as primeiras oportunidades, esbarrando em Martín Silva, foi a equipe cruz-maltina quem conseguiu balançar as redes duas vezes logo na etapa inicial. E pelo mesmo caminho: com cruzamentos de Henrique pela esquerda.

O primeiro saiu aos 16 minutos, quando Evander aproveitou a bola levantada para dentro da área e desviou de cabeça. Aos 29, Ríos ampliou depois de antecipar a marcação e completar para a meta.

Nova Iguaçu busca o empate

A sensação de que o Vasco havia encaminhado a vitória já na etapa inicial se esvaiu logo no início do segundo tempo. Aos 16 minutos, Murilo Henrique aproveitou cobrança de escanteio da direita e cabeceou firme para diminuir a desvantagem.

O empate do time visitante aconteceu aos 35 minutos. Bruno Smith contou com vacilo de marcação de Rafael Galhardo e emendou de cabeça para o gol.

Pikachu e Andrey garantem a vitória

O drama vascaíno após sofrer o segundo gol durou pouco. Três minutos depois do empate, Andrey aproveitou erro na saída de bola do Nova Iguaçu e tocou para Yago Pikachu colocar o Vasco em vantagem mais uma vez. O próprio Andrey, inclusive, foi responsável por sacramentar a vitória. Após cruzamento de Wágner, o meia apareceu para completar de cabeça para o gol.

Próxima rodada

O Vasco volta a campo na próxima quarta-feira (24) contra a Cabofriense, em Bacaxá. A partida será o último "teste" da equipe antes do clássico contra o Flamengo, na quarta rodada. Já o Nova Iguaçu recebe o Volta Redonda, no Laranjão.

FICHA TÉCNICA
VASCO 4 X 2 NOVA IGUAÇU

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 21 de janeiro de 2018
Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda

GOLS 
Vasco: Evander, aos 16 minutos do 1º tempo; Andrés Ríos, aos 29 minutos do 1º tempo, Yago Pikachu, aos 38 minutos do 2º tempo; e Andrey, aos 45 minutos do 2º tempo.
Nova Iguaçu: Murilo Henrique, aos 16 minutos do 2º tempo; e Bruno Smith, aos 35 minutos do 2º tempo.

VASCO: Martín Silva; Yago Pikachu, Ricardo, Erazo e Henrique; Wellington, Desábato, Wágner e Evander; Paulinho e Andrés Ríos. Técnico: Zé Ricardo.

NOVA IGUAÇU: Jefferson; Daniel Damião, Raphael Azevedo, Murilo Henrique e Lucas; Paulo Henrique, Caio Cezar, Robinho e Jonathan; Wescley e Adriano. Técnico: Edson Souza. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos