Fla e Botafogo duelam por final com estreia de Dourado e técnico em xeque

Bernardo Gentile e Vinicius Castro

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Gilvan de Souza/Flamengo

    Dourado fará a estreia com a camisa do Flamengo justamente contra o Botafogo

    Dourado fará a estreia com a camisa do Flamengo justamente contra o Botafogo

Flamengo e Botafogo decidem neste sábado (10), às 16h30 (de Brasília), quem vai encarar o Boavista na final da Taça Guanabara. E as equipes não poderiam chegar em momentos tão distintos para o clássico no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. Enquanto o Rubro-negro vive um mar de tranquilidade e mostra grande expectativa pela estreia de Henrique Dourado, o Alvinegro vive o outro lado da moeda e vê o técnico Felipe Conceição cada vez mais próximo da demissão.

Principal reforço do Flamengo para a temporada 2018, o atacante Henrique Dourado estreia na semifinal da Taça Guanabara e tem a responsabilidade de ajudar o Rubro-negro a chegar à decisão. Artilheiro do Brasil no ano passado, o camisa 19 chega com a responsabilidade de substituir Paolo Guerrero e repetir o excelente desempenho recente.

Além de Dourado, o técnico Paulo César Carpegiani também conta com o zagueiro Réver. Desta forma, o Flamengo vai para o clássico com o que tem de melhor disponível até o momento. O objetivo do clube é vencer a Taça Guanabara para promover experiências com alguns jogadores e valores da base na Taça Rio.

"O Henrique Dourado é um centroavante de área. Ganhamos com o pivô que ele faz e a bola aérea. Foi o artilheiro do Brasileirão e demonstrou o seu valor no Fluminense. No pênalti, a gente ganha muito também. É um jogador que vem com confiança grande", afirmou o experiente zagueiro Juan.

"Sabemos que clássico não tem favorito. Será um jogo difícil. Historicamente, esse duelo tem se acirrado muito, com partidas muito difíceis. Não será diferente", concluiu o defensor.

O Botafogo, por sua vez, tem o início de ano bastante conturbado. Os resultados no Carioca até que não geraram grande problema. Foram duas vitórias e três empates antes da classificação para a semifinal. O desempenho, porém, nunca convenceu. A situação ficou insustentável com a eliminação vexatória para a Aparecidense na estreia da Copa do Brasil.

Felipe Conceição está em contrato de experiência e assinaria novo vínculo no fim do Carioca. Com os últimos ocorridos, no entanto, a expectativa é a de que ele seja retirado do comando da equipe após o clássico com o Flamengo. Uma vitória sobre o rival poderá mantê-lo por mais algum tempo, mas sua vida não deverá ser longa no Botafogo.

Uma situação tem decepcionado a torcida. Dos quatro reforços contratados até o momento, apenas Luis Fernando assumiu a condição de titular. Até mesmo o esperado camisa 9, Kieza, tem ficado no banco de reservas e entrado na reta final dos jogos. O mesmo ocorre com Renatinho, que chegou com status de jogador importante.

Existe a expectativa de uma reformulação na equipe titular para o clássico com o Flamengo após a péssima atuação diante da Aparecidense. Léo Valência, Kieza e Renatinho são justamente as peças que podem aparecer no time principal. Uma tentativa de mudar o rumo e se recuperar diante do maior rival.

FLAMENGO X BOTAFOGO

Data/hora: 10/02/2018, às 16h30 (de Brasília)
Local: Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo
Auxiliares: Luiz Claudio Regazone e Thiago Henrique Neto Corrêa Farinha

Flamengo
César; Pará, Réver, Juan e Renê; Cuéllar, Lucas Paquetá e Diego; Everton Ribeiro, Everton e Henrique Dourado
Técnico: Paulo César Carpegiani

Botafogo
Jefferson; Arnaldo, Marcelo, Rabello e Gilson; Matheus Fernandes; Luiz Fernando, João Paulo, Léo Valência (Renatinho) e Rodrigo Pimpão; Brenner (Kieza)
Técnico: Felipe Conceição

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos