Reforço cresce em momento decisivo e 'ganha' Botafogo com provocação ao Fla

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

Contratado pelo Botafogo por R$ 2,5 milhões, Luiz Fernando criou muita expectativa na torcida. Apesar do início de ano irregular, o reforço finalmente caiu nas graças dos torcedores. O jogador cresceu nos momentos decisivos e marcou gols importantes para colocar o Alvinegro na final do Campeonato Carioca. O gol contra o Flamengo foi todo especial. Além de ser o da classificação, Luiz Fernando provocou na comemoração e, com isso, conquistou o público alvinegro.

O Botafogo não tem bom retrospecto recente diante do Flamengo e passou a ser motivo de piada após viver o episódio do "chororô", em 2008, quando o então presidente Bebeto de Freitas chorou na frente do elenco e diante das câmeras ao protestar contra frequentes erros de arbitragens em jogos contra o Rubro-negro.

Torcedores e até jogadores do Flamengo iniciaram uma provocação com a situação. Entrou para história, tanto que o gesto foi repetido por Vinicius Júnior 10 anos após o episódio. A situação, evidentemente, incomoda muito o Botafogo, que chegou até a vetar o Nilton Santos (Engenhão) para o rival, alegando a provocação como motivo.

E justamente neste momento Luiz Fernando deu o troco. Ao fazer o gol da eliminação, ele tampou o nariz com dois dedos, uma clara provocação ao "cheirinho de hepta", criado pelo rival em 2016, na disputa do Brasileiro, que acabou nas mãos do Palmeiras.

A reação nas redes sociais foi imediata. O gesto do botafoguense 'lavou a alma' dos torcedores, cansados de servir de piada para o maior rival. O jogo virou. E Luiz Fernando tem papel decisivo nisso. Dentro e fora de campo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos