Zé Ricardo e Abel: gentilezas e elogios no duelo à parte no Flu x Vasco

Bruno Braz e Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Montagem/UOL

    Abel Braga e Zé Ricardo se aproximaram após tragédia que assolou técnico tricolor

    Abel Braga e Zé Ricardo se aproximaram após tragédia que assolou técnico tricolor

As diferenças entre Fluminense e Vasco serão medidas dentro do gramado do Maracanã, às 21h desta quinta-feira, em jogo válido pela semifinal do Campeonato Carioca. Fora dele, um duelo à beira do campo que é marcado por trocas de gentilezas de parte a parte.

Treinadores que representam épocas diferentes do futebol, Zé Ricardo e Abel Braga são fãs assumidos um do outro. Um dos expoentes da "nova geração", o vascaíno tem levado a melhor nos duelos com o adversário desde os tempos de Flamengo e ainda não perdeu. São três vitórias e quatro empates, mas a reverência ao "mestre" sempre marca os discursos do cruz-maltino antes de encarar o Flu.

"O Fluminense tem uma equipe forte, foi muito bem na Taça Rio. Tem um treinador que é referência (Abel), ao lado do Autuori (diretor de futebol e ex-técnico). Cercado de bons profissionais. Tem a subida dos dois laterais, volantes estão bem, o goleiro Júlio César em uma fase boa", elogiou ele.

A tal "maneira interessante" do Flu jogar serviu de inspiração para Zé Ricardo, que testou um esquema com três zagueiros justamente no confronto contra o rival desta noite, fato que pode se repetir logo mais. Na ocasião, o empate sem gols serviu de amostra para variações e revelou a admiração mútua. Ao admitir que utilizar o modelo tricolor seria uma forma de neutralizar o time contrário, Zé Ricardo levou um ponto para casa e muitos elogios de Abel.

"O jogo foi aberto, interessante, extremamente tático. Foi uma briga legal com o Zé Ricardo. E ele provou que é muito bom", disse o tricolor. 

Abel e Zé também se aproximaram após o gesto de solidariedade do treinador vascaíno ao comparecer à missa de sétimo dia do filho do tricolor, que morreu tragicamente no ano passado. 

Para o clássico desta quinta, os treinadores têm "quebrado a cabeça" para montar as equipes já que alguns de seus principais jogadores ainda são dúvida por conta de problemas de lesões. Pelo lado do Fluminense, Sornoza e Marcos Júnior. No Vasco, os jovens Paulinho e Evander.

FLUMINENSE X VASCO
Local:
Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Hora: 21h (horário de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá
Auxiliares: Silbert Faria Sisquim e Jackson Lourenço Massara

Fluminense
Julio César; Renato Chaves, Gum e Ibañez; Gilberto, Richard, Jadson, Sornoza (Luquinhas) e Ayrton; Marcos Júnior (Pablo Dyego ou Robinho) e Pedro
Técnico: Abel Braga

Vasco
Martín Silva, Erazo, Werley e Paulão; Desábato, Wellington e Wagner (Evander); Paulinho (Andrés Rios) e Riascos
Técnico: Zé Ricardo

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos