UOL Esporte Campeonato Francês
 
10/03/2010 - 17h00

Bordeaux perde em casa para o Auxerre e embola o Francês

Do UOL Esporte
Em São Paulo

Com dois jogos a menos do que os adversários principais e com um confronto direto contra o vice-líder Montpellier em casa, até a tarde do último domingo o Campeonato Francês parecia estar na mão do Bordeaux, que caminhava a passos largos para o bicampeonato. Após perder no último minuto a chance de vencer seu principal rival no final de semana passado, nesta quarta-feira a equipe dos brasileiros Jussiê, Fernando, Wendell e Henrique perdeu de virada para o Auxerre, por 2 a 1, em casa, e segue empatado em pontos com Montpellier na ponta da competição.

Agora o Bordeaux tem só mais um jogo atrasado a fazer, contra o Le Mans, no dia 14 de abril, pela 26ª rodada, fora de casa.

A vitória leva o Auxerre à terceira colocação no Francês, com 51 pontos, um a menos do que os líderes Montpellier e Bordeaux. O Lyon cai para quarto, com 50. Com um jogo a menos, o Olympique é o quinto, com 49.

Nesta quarta-feira, contra o Auxerre o duelo valia ainda pela 25ª rodada da competição. A partida estava marcada para o dia 20 de fevereiro, mas foi adiada pela federação local, a pedido do Bordeaux, que teria apenas três dias para se preparar para o confronto contra o Olympiacos, na Grécia, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões, do qual saiu vitorioso por 1 a 0.

Disposto a aproveitar a chance de se distanciar na ponta, o Bordeaux dominou o primeiro tempo de jogo e logo aos 7min abriu o placar. O lateral Trémoulinas desceu pela esquerda e, quando chegou na linha da grande área, fez que cruzaria, mas mandou direto para o gol, encobrindo o goleiro Sorin. A bola ainda bateu no travessão antes de entrar.

Após passar de herói a vilão no domingo, quando pegou dois pênaltis, mas falhou no gol do Montpellier, o goleiro Carrasco não era incomodado pelo ataque do Auxerre. Problemas só para Sorin. Aos 16min, após linha de passe, Sertic entrou na área pela direita e bateu forte, cruzado. O goleiro tocou com a ponta dos dedos e a bola explodiu no travessão.

Preso na forte marcação das duas equipes, as boas chances ofensivas do primeiro tempo acabaram se concentrando apenas no gol e no chute no travessão. Na volta do intervalo, porém, o jogo mudou de figura. Logo aos 35 segundos de jogo, o brasileiro Henrique, zagueiro do Bordeaux, tentou proteger uma bola que sairia pela sua linha de fundo, deu bobeira e permitiu que Oliech fizesse o desarme e rolasse para o romeno Niculae, cara a cara com o gol, chutar para fora.

Com mais vontade, o Auxerre passou a ter o controle do meio campo e, com isso, o domínio do jogo. Os visitantes foram recompensados aos 19min, quando, em contra-ataque rápido, Niculae desceu pela direita, nas costas da zaga, e tocou para o meio da área para Jelen, vindo de trás, bater sem goleiro, só empurrando para o gol.

Na jogada, o bandeirinha que acompanhava o contragolpe do Auxerre sentiu aparentemente uma fisgada na coxa e teve que ser substituído pelo quarto árbitro. A mudança acabou sendo ruim para o time da casa porque aos 38min, em mais uma jogada pela direita, Hengbart tocou para Jelen no meio da área, em lance muito parecido com o primeiro gol. Em posição de impedimento, o polonês deu uma cavadinha na bola, ela bateu no travessão e voltou na cabeça de Jelen, que só empurrou para as redes.

Precisando pelo menos empatar para abrir vantagem na ponta do Campeonato Francês, o Bordeaux desceu com toda força ao ataque, tentando chegar principalmente com Jussiê, pela direita, mas as jogadas, quase sempre cruzamentos, pararam na boa atuação de Sorin.
 

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host