Neymar deixa Cavani bater pênalti, mas uruguaio desperdiça cobrança; veja

Do UOL, em São Paulo

Neymar atendeu aos pedidos da torcida no Parque dos Príncipes e deixou Cavani bater um pênalti contra o Troyes, nesta quarta-feira (29). O uruguaio, no entanto, chutou em cima do adiantado goleiro Samassa e desperdiçou a cobrança do PSG.

O brasileiro até havia segurado a bola na marca do pênalti, como se fosse chutar, mas os gritos que vinham das cadeiras do estádio o convenceram a chamar Cavani. Na sequência, Neymar foi abraçado por Thiago Silva e outros companheiros de equipe.

Mesmo após a defesa de Samassa, a torcida parisiense continuou cantando o nome de Cavani como forma de apoio ao uruguaio. A partida segue em andamento no Parc des Princes.

Curiosamente, enquanto tudo isso acontecia dentro de campo, a conta oficial do PSG no Twitter parou de narrar o jogo por alguns instantes para discutir com um torcedor.

O internauta não chegou a ofender ao técnico Unai Emery ou a qualquer um dos atacantes diretamente; só se limitou a dizer "merd..." após a cobrança desperdiçada. O PSG respondeu rispidamente: "152 gols pelo Paris, em breve o maior artilheiro da história do clube. E você, Emmanuel?"

Apesar do erro, o PSG se recuperou e venceu o Troyes por 2 a 0. Neymar fez o primeiro gol da equipe, e o próprio Cavani fechou a conta para a equipe da capital, que lidera o Campeonato Francês.

UOL Cursos Online

Todos os cursos