Exames descartam fratura, mas Neymar vira dúvida contra o Real Madrid

João Henrique Marques, colaboração para o UOL

De Paris

Neymar assustou seus fãs neste domingo (25), quando uma lesão no tornozelo o fez chorar durante a vitória do PSG sobre o Olympique de Marselha. Exames realizados nesta noite apontaram que a lesão não é grave, mas ainda assim o craque é dúvida para o confronto com o Real Madrid, no próximo dia 6.

Um membro da equipe médica do Paris Saint-Germain declarou ao goal.com que o camisa 10 não sofreu fratura ou entorse grave. O UOL Esporte apurou que o jogador ainda tem o tornozelo inchado. É preciso que o local desinche para que um novo exame ateste se a lesão chegou a afetar algum ligamento. De qualquer forma, está descartada uma contusão séria, e Neymar não corre riscos de perder a Copa do Mundo, por exemplo.

Mas as notícias não são tão boas para o PSG. A recuperação pode levar até dez dias, o que tiraria Neymar da partida mais importante da temporada do clube francês até aqui: contra o Real Madrid, pelas oitavas da Liga dos Campeões da Europa. 

O jogador terá a evolução acompanhada nos próximos dois dias, e fica fora de combate por pelo menos uma semana. Ele já é desfalque em outras duas partidas: nas quartas de final da Copa da França, contra o Olympique de Marselha (28 de fevereiro), e no duelo com o Troyes pela Ligue 1 (3 de março).

Ainda na noite de domingo, Neymar realizou exames no American Hospital of Paris, hospital de elite da capital francesa. Ele foi acompanhado pelo preparador físico Ricardo Rosa e deixou o local de carro cerca de duas horas após chegar (veja o vídeo acima, do jornal Le Parisien). Também estiveram no local o presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi, o diretor Maxwell e o zagueiro Marquinhos. Mais cedo, antes de deixar o vestiário no Parque dos Príncipes, o camisa 10 tinha tranquilizado os companheiros, avisando que já não sentia mais dores.

A lesão aconteceu nos minutos finais da vitória do PSG sobre o Olympique de Marselha por 3 a 0. Ele perdeu uma bola e desacelerou a passada em um lance no meio-campo; acabou pisando em falso, e imediatamente sentiu a dor. Ficou caído no gramado cercado por companheiros, chorou enquanto recebia atendimento médico e saiu de maca. Depois, deixou o estádio de muletas e com o tornozelo enfaixado.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos