UOL Esporte Campeonato Gaúcho
 
15/01/2010 - 07h01

Silas assume que rendimento foi ruim, mas não descarta três zagueiros

Marinho Saldanha
Em Bento Gonçalves (RS)
  • Técnico Silas ficou insatisfeito com rendimento em jogo-treino

    Técnico Silas ficou insatisfeito com rendimento em jogo-treino

Com a polêmica reclamação de Jonas sobre seu aproveitamento na última quinta-feira, a má atuação do Grêmio no jogo-treino contra o Flamengo de Bento Gonçalves ficou em segundo plano. Porém, em entrevista coletiva, o técnico Silas Pereira assumiu a pequena produção do time, mas não descartou utilizar três zagueiros na estreia no Gauchão.

“O time esteve longe do que eu pretendo, mas ainda por causa da soltura. Ainda não estão acontecendo as coisas com naturalidade. Precisamos de inteligência porque vamos começar o campeonato desta forma. Agora aqueles que começaram antes, não estão muitos na nossa frente não. Então é hora de colocar o coração, a briga, a raça, porque sem igualar na correria vai ficar difícil”, explicou Silas.

Sem poder contar com Leandro, devido a dores musculares, o comandante de campo gremista reforçou o meio de campo colocando Fábio Rochemback e isolando Borges na frente.

“Eu poupei o Leandro porque o jogo já é domingo, por isso preferi dar mais ritmo ao Fábio Rochemback, que precisava. A situação da formação é o que menos me preocupa porque podemos jogar com quatro ou três zagueiros, tanto faz. Quando se pensa em três zagueiros, normalmente se acha que o time não vai ter nenhum atacante, o que não é verdade. O importante é saber contra quem a gente vai jogar, o momento da competição e que a gente vai sofrer no começo como todos times que começaram a pré-temporada na mesma época”, disse.

“No jogo anterior também ficamos assim, com o Borges isolado. Tinha o Leandro por um lado e o Hugo pelo outro, mas hoje tivemos dificuldades pelo tamanho do gramado, um time que está acostumado a jogar contra o Grêmio e sofreu inúmeras goleadas e acabou aprendendo, se fechou lá atrás. Tanto é que jogamos de novo praticamente em meio campo. Mas é importante dizer que não vamos ficar sem chegada na frente mesmo optando no momento por só um atacante”, falou quando questionado sobre a solidão de Borges.

“O resultado do jogo, logicamente ninguém quer perder, mas não é o mais importante, dar ritmo para os jogadores é o fundamental”, ressaltou. “Temos que esperar e ainda aguardar o Pelotas, mas não descartamos três zagueiros. O campo lá é maior e não teremos os mesmos problemas de hoje”, finalizou Silas.

Esta sexta-feira é o último dia de pré-temporada do Grêmio. Os jogadores irão trabalhar na academia pela manhã e participam de uma palestra com o árbitro Carlos Simon. No início da tarde, a delegação parte para Porto Alegre. Os compromissos oficiais começam domingo, às 16h, contra o Pelotas fora de casa.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host